• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2007.tde-01082007-162109
Documento
Autor
Nome completo
Maria Leda Pinto
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Brandao, Helena Hathsue Nagamine (Presidente)
Andrade, Maria Lúcia da Cunha Victório de Oliveira
Lara, Glaucia Muniz Proença
Palma, Dieli Vesaro
Pinto, Elisa Guimaraes
Título em português
Discurso e cotidiano: histórias de vida em depoimentos de pantaneiros
Palavras-chave em português
Análise do discurso
Condições de produção
Histórias de vida
Interdiscurso
Sujeito
Resumo em português
Esta pesquisa tem por objetivo buscar nas histórias de vida dos pantaneiros a imagem discursivamente construída do homem pantaneiro. É através do uso da língua, aliado a outros aspectos do contexto social em que vive e atua, que o homem constitui-se como sujeito que estabelece vínculos sociais com outros sujeitos e com outras culturas, construindo dessa forma, a sua história. O pantaneiro, vivendo do trabalho no Pantanal sul-mato-grossense, região com características geográficas e sócio-históricas singulares, constitui-se, histórica e socialmente, por meio da riqueza lingüística que se concretiza na convivência com outros falantes do português e com os do espanhol e do guarani, línguas presentes na interação discursiva do dia-a-dia, resultantes do convívio, em regime de fronteira aberta, com o Paraguai e a Bolívia. Dessa perspectiva, a questão que se coloca é: em que medida se constrói a imagem do pantaneiro através de seu próprio discurso? Ou, mais especificamente, em que medida é possível evidenciar as imagens do pantaneiro construídas pelo discurso oral do próprio pantaneiro? Diante dessas indagações, o desafio é estudar o discurso do homem pantaneiro, tendo como fundamento teórico a Análise do Discurso, dita de linha francesa, em particular a interdiscursividade que remete a noções como heterogeneidade discursiva, sujeito e as condições de produção do discurso. Esses aspectos teóricos são pensados a partir de três eixos que dizem respeito ao sujeito e suas ações: eixo das ações que se realizam com a linguagem, eixo das ações que se realizam sobre a linguagem e eixo das ações da linguagem. O capítulo 1 deste trabalho apresenta uma contextualização do Pantanal em seus aspectos geográfico, histórico e social. O capítulo 2 traz um breve histórico da AD e do sujeito nesse percurso. O capítulo 3 trata da AD em sua fase contemporânea, pontuando a questão do discurso, do interdiscurso, do sujeito e as condições de produção do discurso. O capítulo 4 apresenta uma breve retomada do percurso da oralidade, dos gêneros do discurso e dos gêneros histórias de vida e depoimento que compõem o título desta tese. O capítulo 5 apresenta a análise das quatro histórias de vida dos pantaneiros selecionadas para este trabalho
Título em inglês
Discurse and day by day: the life history discursively built by the "pantaneiro" man
Palavras-chave em inglês
Discourse analyses
Interdiscourse
Life histories
Production conditions
Subject
Resumo em inglês
This research´s aim is to look for in the pantaneiros (People who live in the Pantanal region) life history, the image that was discursively built of the panateiro man. It is through the use of language plus other aspects from the social context where they live and work that the man forms a subject that keeps social contacts with other subjects and other cultures, building this way , the history. The pantaneiro, living from the work in the south-mato-grossense Pantanal, which region has its own geographic and social historic features, composes, historic and socially, through the linguistic wealth that becomes true while living with other Portuguese speakers and with the Spanish and Guarani ones, languages presented in the discursive interaction day by day, which are resulted from the feast in open boundaries with Paraguay and Bolivia. From this perspective, the question that is presented is: in which level the pantaneiro image is built through its own speech? Or more specific, in which level it is possible to evidence the pantaneiro images built by its own oral speech? Considering these issues the challenge is to study the pantaneiro man speech, by the speech analyses, interdiscursive which remits to notions as discourse heterogeneity, subject and the production conditions discourse, these theoretic aspects are considered from three axles that are related to the subject and its actions: actions axles that are realized with the language, actions axles that are realized about and actions axles of language. Chapter 1 of this research shows a Pantanal contextualization in its geographic, historical and social aspects. Chapter 2 brings a brief historic of DA and the subject in its course. Chapter 3 talks about the DA in its comtemporary phase, showing the discourse issue of the interdiscourse, the subject and is production conditions discourse. Chapter 4 shows a brief retaking of the oral part, of the discourse genres and life histories genres and deposition that composes this research´s tittle. Chapter 5 shows the analyses of four life histories from the pantaneiros selected for this work.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2007-08-15
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.