• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2015.tde-31072015-163443
Documento
Autor
Nome completo
Mariana Maia Ruivo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Onuki, Janina (Presidente)
Balbachevsky, Elizabeth
Marques, Moisés da Silva
Título em português
Opinião pública e política externa: criação de uma tipologia brasileira
Palavras-chave em português
Opinião Pública
Política externa brasileira
Tipologia
Resumo em português
A finalidade dessa dissertação de mestrado é apresentar uma proposta de criação de tipologia da Opinião Pública em relação à Política Externa Brasileira. Para isso, foi utilizada a pesquisa survey Opinião Pública o Brasil, a América e o Mundo, realizada em 2011 pelo Centro de Investigación y Docencia Económicos CDE em parceria com o Instituto de Relações Internacionais da Universidade de São Paulo IRI/USP. E, para a criação da tipologia, foi usada como base a pesquisa de Eugene Wittkof, Faces of Internacionalism Public Opinion in American Foreign Policy (1990), onde abordou os padrões das elites e da massa em relação ao grau de apoio ao envolvimento internacional dos Estados Unidos. Dessa forma, foi criado quatro grupos de atitude em Política Externa: Isolacionista, Internacionalista, Conciliadores e Intervencionista. Para criar a tipologia brasileira, os grupos foram adaptados para a realidade do país e foram recriados: Isolacionista, Internacionalista Soft Line, Internacionalista Moderado e Internacionalista Hard Line. O presente trabalho tomará como base algumas perspectivas teóricas do debate de Análise de Política Externa e de Opinião Pública, com o intuito de buscar entender como a sociedade brasileira opinião pública - se posiciona em relação à postura do Brasil no sistema internacional, através de sua política externa. Para efeito de análise, dois temas foram pré-selecionados, sobre violação de direitos humanos e em caso de golpe contra um governo democraticamente eleito, todos em relação à outro Estado. Além da criação de uma tipologia brasileira, foi realizado o cruzamento entre algumas variáveis para caracterizar os grupos tipológicos. De maneira ampla, os resultados encontrados mostraram que a maioria da opinião pública defende uma postura mais internacionalista moderada do Brasil no Sistema Internacional.
Título em inglês
Public opinion and foreign policy: creating a brazilian typology
Palavras-chave em inglês
Brazilian foreign policy
Public opinion
Typology
Resumo em inglês
The purpose of this master thesis is to present a proposal for a typology of creating public opinion in relation to the Brazilian Foreign Policy. Within this regard, it is applied the survey "Public Opinion - Brazil, America and the World"(held in 2011 by the Centre de Investigación y Docencia Economic - CDE in partnership with the International Relations Institute of the University of São Paulo - IRI / USP), was applied. In order to create a typology, research of Eugene Wittkof, Faces of Internationalism Public Opinion in American Foreign Policy (1990). This research had been addressed the standards of the elites and the mass in relation to the degree of support for international involvement USA. Thus, it was created four attitude groups in Foreign Policy: isolationist, Internationalist, conciliators and Interventional. In order to create the Brazilian typology groups, theses groups have been adapted to the reality of the country as isolationist, Internationalist Soft Line, Internationalist Moderate and Hard Line. The bases of this work it is related to some theoretical perspectives of Foreign Policy Analysis and discussion of public opinion. The main goal is to try to understand how the Brazilian society - public opinion it is positioned in relation to Brazil's standards in the international system, through its foreign policy. For purposes of analysis, two topics are selected. The first one is about violation of human rights and the second one, supposing that a coup against a democratically elected government occurs (in relation to another State). It was necessary, to understand the structure of these typological groups. Therefore a cross checking among the variables was realized. Broadly, the results demonstrate that the majority of public opinion advocates to moderate internationalist group, in Brazil in the International System.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-07-31
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.