• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Livre Docencia
DOI
10.11606/T.100.2016.tde-11042016-165744
Documento
Autor
Nome completo
Edemilson Antunes de Campos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Banca examinadora
Yassuda, Monica Sanches (Presidente)
Barreira, Cristiano Roque Antunes
Florindo, Alex Antonio
Sadalla, Ana Maria Falcão de Aragão
Silva, Isilia Aparecida
Título em português
Lógicas do cuidado: um estudo socioantropológico sobre o exame de prevenção para o câncer do colo do útero, Papanicolaou
Palavras-chave em português
Câncer do Colo do Útero
Corpo
Cuidado em Saúde
Gênero
Papanicolaou
Saúde da Mulher
Resumo em português
O objetivo desta pesquisa é o de compreender as lógicas sociais que orientam e dão sentido às práticas de cuidados de mulheres, quando realizam o exame de rastreio do câncer do colo do útero, Papanicolaou, a partir de uma análise dos códigos sociais e culturais que operam no processo saúde-doença. A pesquisa foi realizada por meio de etnografias locais e entrevistas semi-estruturadas com mulheres, que já fizeram o exame de prevenção do câncer do colo do útero, moradoras do Jardim Keralux, localizado na Zona Leste do município de São Paulo. Parte-se do pressuposto de que a saúde e a doença são realidades simbolicamente construídas tanto por condições físicas e coordenadas orgânicas quanto pelas relações sociais e culturais, próprias ao contexto no qual as mulheres estão inseridas. Neste trabalho, o exame de Papanicoloau é concebido como uma prática de cuidado à saúde, regida por uma lógica médica, cujas regras enfatizam o processo de medicalização do corpo feminino e os procedimentos terapêuticos de cuidado de si, bem como por uma lógica relacional, regidas pelos valores do contexto sociocultural no qual as mulheres estão inseridas, em particular, o valor da maternidade, que as torna responsáveis pelo cuidado de seus filhos e de sua família. Busca-se, assim, contribuir para enriquecer o repertório existente sobre as lógicas sociais que orientam e dão sentido às práticas de cuidados que envolvem o exame de Papanicolaou e, por essa via, a compreensão dos aspectos socioculturais que operam na prevenção do câncer do colo do útero.
Título em inglês
Care logics: a socioanthropological study on the prevention test for cervical cancer, Papanicolaou
Palavras-chave em inglês
Body
Cervical Cancer
Gender
Health Care
Papanicolaou Test
Women’s Health
Resumo em inglês
This research’s purpose is to understand the social logics that guide and give meaning women care practices, when taking screening tests for cervical cancer, Papanicolaou, from an analysis of the social and cultural codes operating in the process of health and illness. This research was conducted through local ethnographies and semi-structured interviews with women who have done the Pap test in Jardim Keralux, located in the East Zone of São Paulo. This study undertakes the assumption that health and illness are realities symbolically built both by natural conditions and organic coordinates as well as the social and cultural relations, particular to the context in which women are embedded. In this work, the Papanicoloau test is designed as a health care practice, conducted by a medical logic, whose rules emphasize the female body medicalization process and care of therapeutic procedures themselves, as well as a relational logic conducted by the social and cultural values in which women are inserted, in particular, the motherhood value, which makes them responsible for the care of their children and their family. Thus, it attempts to add value to the existing repertoire on the social logics that guide and give meaning to practices of care involving Papanicolaou test and, by this means, to understand the social and cultural aspects that operate in the prevention of cervical cancer.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-06-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.