• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Tamiris Capellaro Ferreira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2018
Orientador
Banca examinadora
Caldana, Adriana Cristina Ferreira (Presidente)
Dias, Sylmara Lopes Francelino Gonçalves
Oliveira, Sonia Valle Walter Borges de
Vieira, Saulo Fabiano Amancio
Título em português
Impactos e desafios da construção civil brasileira para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável
Palavras-chave em português
Global reporting iniciative (GRI) ; Impactos da construção civil ; Matriz de materialidade ; Objetivos de desenvolvimento sustentável (ODS) ; Setor da
Resumo em português
O desenvolvimento sustentável tem sido um grande desafio global e as empresas têm grande participação nesse processo, uma vez que movimentam a economia e geram empregos, consomem matérias-primas e poluem o meio ambiente. As grandes corporações são as que causam os maiores danos, mas podem contribuir para alcançar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) e suas prioridades globais. A indústria da construção civil, especificamente, desempenha importante papel econômico e é responsável por um consumo significativo de recursos naturais e por um impacto ambiental bastante expressivo. Coibidas por pressões externas, de regulamentações, investidores e outras partes interessadas, as empresas do setor da construção civil têm feito seu relato de sustentabilidade de acordo com o modelo da Global Reporting Iniciative (GRI), que incentiva as empresas a definirem quais questões relativas à sustentabilidade são mais relevantes para sua cadeia de valor, por meio do princípio de "materialidade". O principal objetivo deste trabalho foi identificar como a construção civil brasileira impacta positiva ou negativamente os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), considerando os segmentos das construtoras, fábricas e cimenteiras. Um grupo de empresas representantes da construção civil brasileira foi selecionado para o estudo, que se dividiu em três etapas, sendo a primeira uma revisão sistemática de literatura a respeito dos impactos do setor da construção civil; a segunda uma análise de dados secundários, que são os relatórios de sustentabilidade das empresas estudadas; e a terceira uma etapa de entrevistas com especialistas do setor da construção civil. Na segunda etapa, com base nas matrizes individuais das empresas, foram elaboradas matrizes de materialidade unificadas para os segmentos do setor. Elas foram, então, validadas pelos especialistas da construção civil e comparadas com os dados encontrados na revisão sistemática de literatura. Após a validação das matrizes, conseguiu-se uma relação dos ODS que são impactados positiva ou negativamente pelos principais aspectos materiais do setor. Identificou-se que os principais ODS impactados positivamente são os de número 3, 4, 8 e 9; e os principais ODS impactados negativamente são os ODS 5, 6, 7, 10, 11, 12, 13, 15 e 16. Isso indica que apenas 4, dentre os 17 ODS não são diretamente impactados pelos aspectos materiais do setor da construção civil brasileira. Sendo assim, foram feitas sugestões para mitigação dos impactos causados que incluem, principalmente, medidas governamentais, em relação à regulamentação e fiscalização; e empresariais, a respeito do modelo de gestão. Tendo como base o Guia SDG Compass, as empresas poderão desenvolver uma estratégia de gestão que tenha o propósito de colocar a sustentabilidade no centro da estratégia empresarial. Desta forma, as empresas poderão desenvolver um modelo de gestão voltado para o futuro e para o alcance dos ODS e, assim, melhorar o diálogo entre todas as partes interessadas. Além disso, este trabalho agrega conhecimento teórico ao avançar na exploração da literatura e da pesquisa sobre os ODS, uma vez que eles, tendo sido lançados no final de 2015, ainda se tratam de um campo recente de pesquisa. O trabalho também avança no delineamento do panorama em que o setor de construção civil brasileiro se encontra frente à sustentabilidade organizacional, aos relatos de sustentabilidade com base nas diretrizes da GRI e ao desenvolvimento de matrizes de materialidade.
Título em inglês
Impacts and challenges of the brazilian civil construction for the Sustainable Development Goals
Palavras-chave em inglês
Construction industry ; Global reporting initiative (GRI) ; Impacts of construction ; Matrix of materiality ; Sustainable development objectives (ODS)
Resumo em inglês
Sustainable development has been a major global challenge and companies have a strong stake in this process as they move the economy and generate jobs, consume raw materials and pollute the environment. Large corporations are the ones causing the greatest damage, but they can contribute to achieving the Sustainable Development Goals (SDG) and their global priorities. The construction industry, specifically, plays an important economic role and is responsible for a significant consumption of natural resources and a very significant environmental impact. Constrained by external pressures, regulations, investors and other stakeholders, companies in the construction industry have made their sustainability report according to the Global Reporting Initiative (GRI) model, which encourages companies to define which issues are more relevant to their value chain, it is the principle of "materiality". The main objective of this work was to identify how Brazilian civil construction positively or negatively impacts the Sustainable Development Goals (SDG), considering the segments of construction companies, factories and cement companies. A group of companies representing Brazilian civil construction was selected for the study, which was divided into three stages, the first being a systematic review of the literature on the impacts of the civil construction sector; the second an analysis of secondary data, which are the sustainability reports of the companies studied; and the third a stage of interviews with specialists in the construction industry. In the second stage, based on the individual corporate matrices, unified materiality matrices were elaborated for the segments of the industry. They were then validated by construction specialists and compared with the data found in the systematic literature review. After the validation of the matrices, it could be made a list of the SDG that are positively or negatively impacted by the main material aspects of the sector. It was identified that the main positively impacted SDG are those of numbers 3, 4, 8 and 9; and the main SDG negatively impacted are SDG 5, 6, 7, 10, 11, 12, 13, 15 and 16. This indicates that only 4 of the 17 SDG are not directly impacted by the material aspects of the Brazilian construction industry. Thus, suggestions were made to mitigate the impacts caused, which mainly include governmental measures, in relation to regulation and inspection; and business, regarding the management model. Based on the SDG Compass Guide, companies can develop a management strategy that aims to put sustainability at the center of business strategy. In this way, companies will be able to develop a future-oriented management model and to achieve the SDG and thus improve the dialogue among all stakeholders. In addition, this work adds theoretical knowledge in advancing the exploration of literature and SDG research, since they were launched at the end of 2015 and are still a recent field of research. The work also advances in the outline of the scenario in which the Brazilian civil construction sector faces organizational sustainability, sustainability reports based on GRI guidelines and the development of materiality matrices.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-11-19
 
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.