• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.96.2008.tde-05052009-150513
Documento
Autor
Nome completo
Rodrigo Araújo Ferreira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2008
Orientador
Banca examinadora
Scorzafave, Luiz Guilherme Dacar da Silva (Presidente)
Pazello, Elaine Toldo
Vasconcellos, Lígia Maria de
Título em português
Desigualdade de desempenho escolar dos alunos do ensino fundamental do estado de São Paulo: uma análise de decomposição
Palavras-chave em português
Desempenho escolar
Economia da educação
Escolas públicas
Índice Theil L
Resumo em português
Utiliza-se o método de decomposições do índice Theil-L para encontrar determinantes da desigualdade de desempenho escolar das crianças da 4ª série do ensino fundamental do estado de São Paulo. Os dados de proficiência dos alunos em português e matemática são extraídos da Prova Brasil 2005 e combinados com os dados do Censo Escolar 2005. A análise das contribuições brutas e marginais geradas por meio do índice Theil L mostra que variáveis comumente utilizadas como medidas de background sócioeconômico dos alunos explicam pouco da desigualdade das notas, menos de 2%. Ao mesmo tempo, as contribuições brutas e marginais apontam para a importância significativa das escolas, que explicam 14,58% da desigualdade de desempenho dos alunos em matemática e 13,27% do desempenho dos alunos em português. A única variável que explica significativamente a desigualdade entre as escolas é o município, 14,56% da desigualdade em matemática e 13,98% em português. As demais variáveis quando consideradas isoladamente, respondem por menos de 2,5% da desigualdade. Quando tomadas em grupos, seu poder explicativo aumenta. As variáveis de infraestrutura escolar explicam 18,68% da desigualdade entre as escolas em português e 20% da desigualdade em matemática. As variáveis referentes ao background dos colegas respondem respectivamente por 8,79 e 9,40%. Conclui-se que o impacto das diferentes variáveis no desempenho dos alunos se dá por meio de sua interação mais do que pelo efeito de variáveis específicas. Reitera-se também a importância de se entender o impacto dos insumos escolares para compreender a proficiência dos alunos. O trabalho aponta ainda o efeito que os municípios têm sobre as escolas e oferece base para uma melhor compreensão posterior desse fenômeno.
Título em inglês
Test score inequality of elementary school children in São Paulo state: a decomposition analysis
Palavras-chave em inglês
Apprenticeship
Economics of education
Public schools
Thei-L index
Resumo em inglês
This research uses the method of Theil-L decomposition to find determinants of the inequality among students scores of the 4th grade of the fundamental school in the state of São Paulo. The data is provided by a combination of Prova Brasil 2005 standardized tests and the Censo Escolar 2005. The analysis of the gross and marginal contributions measured by the Theil-L indez indicates that the variables normally used for students social and economic background give few explanation about the total inequality measured. The analysis of the decompositions also shows that schools play a main role in the inequalities among students, explaining 14,58% of the students inequality in math and 13,27% in Portuguese. The only single variable that shows an important impact in the score inequalities among schools is the municipality, 14,56% for math and 13,98% for Portuguese. The other variables have no impact over 2,5% when considered solely. By the other side, when these variables are considered in groups, there is a gain in explanation. The school infra-structure explain 18,68% of the inequality among schools in Portuguese and 20% of the inequality in math. The variables about the peers background are responsible for 8,79 and 9,40% respectively. It is concluded that the impact of differents variables in students learning are more due to their interaction, than by their direct effects. It is reinforced the importance of a better understanding of school variables to understand children apprenticeship as shown by part of the literature. This research points to the importance of municipalities for schools and gives a basis for further discussion on this matter.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
RodrigoAFerreira.pdf (295.03 Kbytes)
Data de Publicação
2009-05-12
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.