• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.93.2014.tde-14112014-143333
Documento
Autor
Nome completo
Mariana Pereira Lenharo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Monteiro, Katia Canton (Presidente)
Ajzenberg, Elza Maria
Ribeiro, Claudete
Título em português
Van Gogh e a melancolia: pinturas de pôr do sol em Arles
Palavras-chave em português
Arte Moderna
Melancolia
Vincent van Gogh
Resumo em português
Este trabalho tem por objetivo verificar que tipo de impacto as crises de melancolia do pintor Vincent van Gogh podem ter exercido sobre sua produção artística. Os questionamentos tomados como ponto de partida são os seguintes: se o estado de melancolia impulsiona seu trabalho como artista, se a melancolia imprime características específicas em sua obra e se a arte proporciona a Van Gogh um alívio ou um agravamento de sua natureza melancólica. A pesquisa foca um período específico na vida do artista: os primeiros 10 meses em que viveu na cidade de Arles, no sul da França, entre fevereiro e dezembro de 1888. A leitura das 139 cartas escritas por Van Gogh neste período possibilitou identificar os momentos em que ele descrevia seu próprio estado de espírito como melancólico. A partir desta identificação, o trabalho parte para a análise de obras produzidas no período, das quais foram selecionadas oito telas de pôr do sol. A observação das telas sob o contexto do sentimento experimentado por Van Gogh enquanto as produzia levou, por fim, a uma reflexão sobre a relação entre melancolia e a arte no pintor.
Título em inglês
Van Gogh and melancholy: Sunset paintings in Arles
Palavras-chave em inglês
Melancholy
Modern Art
Vincent van Gogh
Resumo em inglês
The aim of this research is to verify what kind of impact the melancholy crises of the painter Vincent van Gogh may have had in his artistic production. The questions that represent the starting point are: whether the state of melancholy impels his work as an artist, whether melancholy results in specific features in his work and whether art provides a relief or an aggravation of Van Gogh's melancholy nature. The research focuses on a specific period in the artist's life: the first 10 months in which he lived in the city of Arles, in the south of France, between February and December of 1888. The reading of the 139 letters written by Van Gogh during this period enabled the identification of the moments in which he described his own state of mind as melancholic. Based on this identification, the study starts the analysis of the paintings produced in this period, from which eight canvas of setting suns were selected. The observation of these works under the context of the emotions experimented by Van Gogh while he painted them led, ultimately, to a reflection about the relationship between melancholy and art in the painter.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-04-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.