• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.9.1993.tde-27062008-192851
Documento
Autor
Nome completo
Regina Lucia Fonseca de Moraes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1993
Orientador
Banca examinadora
Palermo Neto, João (Presidente)
Dobereiner, Jurger
Midio, Antonio Flavio
Motidome, Mario
Salatino, Antonio
Título em português
Comprovação química e biológica da presença de monofluoroacetato nas folhas de Palicourea marcgravii st. Hil
Palavras-chave em português
Cromatografia em camada delgada
Monofluoroacetato de sódio
Palicourea marcgravii St. Hil.
Ressonância magnética nuclear 19F
Resumo em português
Palicourea marcgravii St. Hil. (Rubiaceae) vulgarmente conhecida como "erva de rato" é uma planta tóxica brasileira de grande interesse econômico na pecuária, por provocar, em bovinos, convulsões, arritmias cardíacas e "morte súbita" em elevado número de animais. No presente trabalho, as folhas dessecadas e moídas de P. marcgravii foram extraídas com etanol 95 %, a temperatura ambiente, por percolação; o extrato resultante foi fracionado por partição com acetato de etila e butanol saturado com água. Os resíduos obtidos foram testados "per os" em ratos, buscando-se investigar nos mesmos, a presença do princípio ativo tóxico. O resíduo aquoso foi o único que produziu convulsões e morte dos animais. A existência do monofluoroacetato (MF A) no resíduo aquoso foi comprovada biologicamente através do paralelismo entre as retas refetentes às funções dose/porcentagem de letalidade e dose/latência para a 1ª convulsão que foram construídas para o resíduo aquoso e padrão de referência (monofluoroacetato de sódio). O MFA foi também identificado quimicamente através da RMN19F e da cromatografia em camada delgada. Os resultados obtidos comprovaram a presença de MF A nas folhas de P.marcgravii, responsabilizando-o pelos efeitos tóxicos produzidos. Também foram levantadas algumas hipóteses na tentativa de explicar a sintomatologia dos animais intoxicados.
Título em inglês
Chemical and biological demonstration of the presence of monofluoroacetate in the leaves of Palicourea marcgravii St.Hil.
Palavras-chave em inglês
19 F NMR
Palicourea marcgravii St. Hil.
Sodium monofluroacetate
Thin layer chromatography
Resumo em inglês
Palicourea marcgravii St. Hil. (Rubiaceae) is one of the most economica1ly important poisonous plants for Brazilian livestock, since it induces not only seizures, cardiac arrythmias, but also "sudden death" of large number of the intoxicated animals. ln the present paper, the dissected and grounded leaves of P.marcgravii were extracted with ethanol 95 %, at room temperature, by percolation; the resultant extract was fractionized by partition in ethyl acetate and butanol saturated with water. The obtained residues were administered "per os" to rats, trying to look for the presence of the active toxic principIe. The aqueous residue was the only that induced seizures and death to the animals. The presence of monofluoroacetate (MFA) in the aqueous residue was biologica1ly confirmed by the correlation shown in the sodium monofluoroacetate and the aqueous residue dose-response and dose effect curves. MFA was also identified through NMR19F and thin layer chromatography. The obtained results confirmed the presence of MF A in the P.marcgravii leaves; they also suggest that the toxic effects induced by this plant are a consequence of the presence of MFA in its leaves. Further, some hypothesis were also perfomed, in an attempt to better explain the symptoms induced by the plant leaves.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-07-04
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.