• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.9.2017.tde-22082017-153649
Documento
Autor
Nome completo
Renata Rebello Mendes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2006
Orientador
Banca examinadora
Tirapegui, Julio (Presidente)
Hirata, Mario Hiroyuki
Navarro, Francisco
Prouvot, Paulo de Aguiar
Ribeiro, Sandra Maria Lima
Título em português
Suplementação de creatina, performance e composição corporal de nadadores de elite e amadores: avaliação dos efeitos agudo e crônico (OU) Efeitos da suplementação de creatina em nadadores: uma comparação de desempenho entre atletas de elite e amadores, e de composição corporal entre protocolos de suplementação aguda e crônica
Palavras-chave em português
Creatina
Dieta para esportistas (Avaliação)
Exercício
Natação
Necessidades Nutricionais
Nutrição
Suplementação alimentar (Efeitos)
Resumo em português
A suplementação de creatina tem sido considerada importante estratégia ergogênica, uma vez que baixas concentrações musculares desse composto encontram-se entre as principais limitações para o desempenho em atividades de curta duração e alta intensidade. Porém, há controvérsias sobre os resultados obtidos por meio de tal estratégia, pois se acredita que indivíduos sedentários ou atletas amadores apresentariam melhores resultados quando comparados a atletas de elite. Os efeitos das suplementações aguda e crônica de creatina sobre o aumento da massa corporal magra também têm se tornado alvo de constantes investigações científicas, no intuito de se determinar o componente da massa magra responsável por esse incremento. Desta forma, os objetivos do presente trabalho foram avaliar o efeito da suplementação aguda de creatina (20,0 gramas/dia, durante 5 dias) sobre o desempenho em exercícios intermitentes de curta duração e a composição corporal de nadadores de elite (NE) e amadores (NA), bem como investigar a influência da suplementação crônica de creatina (5,0 gramas/dia, durante 45 dias) sobre a composição corporal dos NA. Para tanto, foram estudados 40 nadadores, sendo 22 de elite e 18 amadores, os quais foram subdivididos em grupos creatina (NECR e NACR) ou placebo (NEPL e NAPL). Após o período agudo de suplementação, foram observadas elevações significativas nas excreções urinárias de creatina (0,026 para 8,40; 0,024 para 12,40 gramas/dia) e creatinina (0,99 para 1,90; 1,85 para 2,50 gramas/dia) nos grupos NECR e NACR, respectivamente. Embora a suplementação aguda tenha promovido redução significativa do lactato sanguíneo em alguns momentos do teste de performance no grupo NACR, bem como declínio da amônia plasmática ao final do exercício nos grupos NECR e NACR, não houve melhora nos tempos de natação em nenhum grupo após a suplementação aguda. No que diz respeito à composição corporal houve aumento de água corporal na fase aguda, sem aumento de massa corporal protéica estimada (MCPE), nos NECR e NACR. No período crônico, o grupo NACR apresentou ganhos significativos de massa magra (900 gramas) e MCPE (200 gramas), enquanto o grupo NAPL apresentou reduções significativas nesses parâmetros (1400 gramas e 800 gramas, respectivamente). Tais resultados demonstraram que a suplementação de creatina não promoveu melhora aguda de desempenho em atividades de curta duração e alta intensidade, porém, cronicamente, preveniu perdas de massa magra e MCPE.
Título em inglês
Effects of creatine supplementation in swimmers: a comparison of performance between elite and amateur athletes, and body composition between acute and chronic supplementation protocols
Palavras-chave em inglês
Creatine
Diet for sportsmen (Nutrition)
Exercise
Food supplementation (Effects)
Nutrition
Nutritional needs
Swimming
Resumo em inglês
Effects of creatine supplementation in swimmers: a comparison of performance between elite and amateur swimmers, and body composition between acute and chronic supplementation protocols. Creatine supplementation has been considered an important ergogenic aid, a time that low muscular concentrations of this composition meet enter the main limitations for the performance in short duration and high intensity exercises. However, it has controversies on the results gotten by this strategy, therefore if it believes that sedentary individuais or amateur athletes would present better results when comparative the elite athlete. The effect of the acute and chronic creatine supplementation on the increase of the lean corporal mass also have become target of constant scientific inquiries, in the intention of determining the component of the lean mass responsible for this increment. Of this form, the objectives of the present study had been to evaluate the effect of the acute creatine supplementation (20,0 grams/day, during 5 days) on the performance in short duration intermittent exercises and on body composition of elite swimmers (ES) and amateur swimmers (AS), as well as investigating the influence of chronic creatine supplementation (5,0 grams/day, during 45 days) on body composition of the AS. For in such a way, 40 swimmers, being 22 of the elite and 18 amateur had been studied, which had been subdivided in creatine (CRES and CRAS) or placebo groups (PLES and PLAS). After the acute supplementation period, had been observed significant rises in urinary creatine (0,026 to 8,40; 0,024 to 12,40 grams/day) and urinary creatinine (0,99 to 1,90; 1,85 to 2,50 grams/day) in groups CRES and CRAS, respectively. Although the acute supplementation has promoted significant reduction of blood lactate at some moments of the intermittent test of performance in group CRAS, as well as decline of blood ammonia in the end of the test in CRES and CRAS groups, the acute supplementation did not have improvement in the speed of swimming in no group. In that it says respect to the body composition, was observed an increase in body water in the acute phase, without increment of estimate corporal protein (EPC), in CRES and CRAS. However, in the chronic period, CRAS group presented significant increase of lean body mass (900 grams) and EPC (200 grams), while group PLAS presented significant reductions in these parameters (1400 grams and 800 grams, respectively). Such results had demonstrated that creatine supplementation did not promote acute improvement of performance in intermittent short duration and high intensity performance, although creatine long-term maintenance prevented muscle wasting.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-08-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.