• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.82.2007.tde-14022008-091149
Documento
Autor
Nome completo
Daiana Sganzella
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2007
Orientador
Banca examinadora
Rollo, João Manuel Domingos de Almeida (Presidente)
Parizzotto, Nivaldo Antonio
Serrão, Fábio Viadanna
Título em português
Ultra-som pulsado de baixa intensidade na regeneração nervosa periférica de ratos
Palavras-chave em português
Esmagamento
Índice funcional do ciático
Músculo desnervado
Regeneração nervosa periférica
Ultra-som pulsado de baixa intensidade
Resumo em português
O ultra-som é uma das formas de tratamento terapêutico, não-invasivo, que pode auxiliar na regeneração nervosa periférica. Dentre todas estas técnicas não-invasivas de regeneração nervosa periférica, pouco se sabe sobre a influência do ultra-som na regeneração desse tecido. Para tanto foi realizado um trabalho experimental com o objetivo de avaliar o efeito da terapia do ultra-som pulsado de baixa intensidade após lesão por esmagamento do nervo ciático de rato. Foram utilizados 26 ratos Wistar machos, com massa corporal média de 289,61g divididos em 3 grupos: normal (N), lesado (L) e lesado+ultra-som (L+US). A aplicação do ultra-som pulsado (1 MHz, 40 mW/'CM POT.2', 8 minutos de duração) iniciou-se 1 dia pós-lesão e repetido por 4 semanas em dias alternados. A análise funcional do nervo ciático (análise de marcha em pista) foi avaliada semanalmente durante todo o período experimental. Para verificar a eficácia do ultra-som sobre a regeneração nervosa foram analisados índice funcional do ciático, morfologia do nervo ciático e morfologia e morfometria muscular dos músculos tibial anterior (TA) e sóleo (SOL). Concluiu-se que o tratamento com o ultra-som pulsado de baixa intensidade na regeneração nervosa periférica não obteve resultados significativos quando se comparou os grupos lesado e lesado+ultra-som, apenas foi observada uma manutenção da área de secção transversa do grupo lesado+ultra-som do músculo TA quando comparado ao grupo normal, levando a indícios de que o ultra-som estimulou o nervo para tal manutenção.
Título em inglês
Effect low-intensity pulsed ultrasound in peripheral nerve regeneration of the rats
Palavras-chave em inglês
Crush
Denervated muscle
Low intensity ultrasound
Regeneration peripheral nerve
Sciatic functional index
Resumo em inglês
The ultrasound is one of the forms therapeutic treatment, no-invasive, that it assists in regeneration peripheral nerve. For in such a way an experimental work was carried through with the objective to verify the effect of the therapy of low intensity pulsed ultrasound after crush of sciatic nerve. Amongst all these no-invasive techniques of regeneration peripheral nerve, little known on the influence of the ultrasound in the regeneration of this tissue. Twenty six male Wistar rats weighing 289,61 g on average were used and divided into three groups: normal (N), injury (L) and injury+ultrasound (L+US). The application of the pulsed ultrasound (1 Mhz, 40 mW/'CM POT.2' and 8 minutes duration) was started one day after lesion and repeated for 4 week in alternate day. The functional analysis of the sciatic nerve (analysis of the march in track) was evaluated at weekly during all the experimental period. To verify the effectiveness of the ultrasound on nerve regeneration they had been analyzed sciatic functional index, morphology of the sciatic nerve and muscle morphology and morfometry of the muscles tibial anterior (TA) and sóleo (SOL). It was concluded that the treatment with the device of ultrasound of low intensity in regeneration peripheral nerve did not get resulted significant when compared the groups injured and injury+ultrasound, was only observed a maintenance of the cross-sectional area of the group injury+ultrasound of the muscle TA when compared with the normal group, taking the indications of that the ultrasound stimulated the nerve for such maintenance.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-02-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.