• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.81.2011.tde-20072011-143249
Documento
Autor
Nome completo
Emerson Ferreira Gomes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Piassi, Luis Paulo de Carvalho (Presidente)
Baptista, Ana Maria Haddad
Zanetic, Joao
Título em português
O romance e a teoria da relatividade: a interface entre literatura e ciência no ensino de física através do discurso e da estrutura da ficção
Palavras-chave em português
Análise do Discurso
Física - Estudo e Ensino
Romance
Semiótica
Teoria da Relatividade
Resumo em português
Dentro da área Ensino de Ciências identificamos diversos trabalhos que defendem a utilização de obras literárias no contexto de ensino-aprendizagem. Nesta pesquisa pretendemos contribuir com o diálogo entre a literatura e o ensino de ciências, utilizando referenciais da linguística e da linguagem na análise de três romances de ficção, escritos por físicos: -Sonhos de Einstein? de Alan Lightman (1992); -Tau Zero? de Poul Anderson (1970) e -O Tempo e o Espaço do Tio Albert? (1989) de Russel Stannard. O elemento motivador de nosso trabalho surge a partir das possibilidades da inserção da Física Moderna no ensino de física, assim como a possibilidade da interface entre Física e Literatura em sala de aula. Entretanto, como veremos adiante, o diálogo entre a física do início do século XX e as obras literárias é presente na obra de diversos autores, portanto havia a necessidade de um recorte temático que possibilitasse um recurso educacional para o ensino de física moderna. Dessa forma, a Teoria da Relatividade configura-se como uma teoria da física moderna que permite essa pesquisa por conta: do entendimento da TER como um fenômeno cultural; do diálogo histórico entre a Teoria da Relatividade e a Literatura; da necessidade de novos recursos para o ensino de TER e da exploração da TER para além dos conceitos. Os romances mencionados são caracterizados por tratar dos fenômenos inerentes à TER tanto em nível conceitual, quanto epistemológico. Portanto sua utilização no ensino de Física possibilita a discussão das esferas conceituais, sócio-histórica e filosófico-epistemológica em sala de aula. Para a análise da instância da produção e do discurso externo às obras, utilizaremos a análise de discurso derivada dos trabalhos de Mikhail Bakhtin, quanto à estrutura interna do texto, utilizamos a semiótica estruturalista de A.J. Greimas. A utilização da semiótica e da análise do discurso para analisar um romance a ser levado em sala de aula, possibilita identificar elementos textuais que auxiliem na construção dos conceitos junto aos estudantes. As diferentes percepções dos personagens se relacionam com as próprias ansiedades que a sociedade verifica na ciência, que dependendo da forma como é divulgada possui conotações eufóricas ou disfóricas. Além disso, a instância da produção do texto, que identifica o seu público-alvo e o discurso ideológico, possibilita a reflexão por questões sócio-históricas inerentes à ciência e ao papel do cientista. Quanto ao ensino de TER, tal análise, propicia uma reflexão sobre a abordagem dos conceitos e fenômenos relativísticos, norteando as novas visões sobre espaço e tempo que a teoria propõe.
Título em inglês
The novel and the Theory of Relativity: The interface between the Literature and the Physics Teaching through the discourse and the structure of the fiction
Palavras-chave em inglês
Discourse Analysis
Novel
Physics Teaching
Semiotics
Theory of Relativity
Resumo em inglês
It is possible to identify in Sciences Education several studies that advocate the use of literary works in the context of teaching and learning. In this research, we intend to contribute to the dialogue between literature and science teaching, using references from linguistics and language in the analysis of three fictional novels, written by physicists: "Einstein's Dreams" by Alan Lightman (1992); "Tau Zero" Poul Anderson (1970) and "Time and Space of Uncle Albert" (1989) by Russell Stannard. Our work motivation comes from the possibility of integration of modern physics in physics education, as well as the possibility of the interface between physics and literature in the classroom. However, as we shall see, the dialogue between the physics of the early twentieth century literary works and literature is present in the work of many authors, so there was need for a thematic focus that would enable an educational resource for teaching modern physics. Thus the special theory of relativity is configured as a theory of modern physics that enables this research because of: the understanding of the STR as a cultural phenomenon, the historical dialogue between the Theory of Relativity and Literature, the need for new resources for teaching STR and explored this theory beyond the concepts. The novels mentioned are characterized by treating the phenomena inherent in STR at both the conceptual and epistemological. Therefore its use in the teaching of physics allows the discussion of conceptual spheres, socio-historical and philosophical-epistemological classroom. For the analysis of the fictional text, we use benchmarks for Discursive Studies. For instance the analysis of speech production and external to the works, we use discourse analysis derived from the works of Mikhail Bakhtin, the internal structure of the text, use structuralist semiotics of AJ Greimas. The use of semiotics and discourse analysis to analyze a novel to be brought into the classroom enabling to identify textual elements, what helps in constructing the concepts together with students. As different perceptions of the characters relate to their own anxieties that society finds in science, depending on how it is disclosed has connotations euphoric or dysphoric. Furthermore, the instance of text production, identifying your target audience, as well as the ideological discourse, allows the reflection of socio-historical issues related to science and the scientific role. As for teaching STR, this analysis provides a reflection on the approach to relativistic concepts and relativistic phenomena, guiding the new views on space and time that the theory proposes.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2011-08-19
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.