• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2019.tde-27032019-170741
Documento
Autor
Nome completo
Marcelo Vitale Teodoro da Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Wissenbach, Maria Cristina Cortez (Presidente)
Azevedo, Amailton Magno
Cardoso, Mauricio
Silva, Salomão Jovino da
Título em português
Territórios negros em trânsito: Penha de França - sociabilidades e redes negras na São Paulo do pós-abolição
Palavras-chave em português
Carnaval
Futebol
Penha de França
Redes negras
Territórios negros
Resumo em português
A presente pesquisa apresenta a importância histórica da população negra no bairro da Penha de França, discorrendo especialmente sobre as formas de sociabilidade, lazer, organização política e suas estratégias de luta contra o racismo nas primeiras décadas do século XX. Demonstra-se como os integrantes das organizações negras do bairro, sobretudo as carnavalescas e os times futebol, travaram relações e conexões com outras agremiações negras da cidade de São Paulo, delineando trânsitos negros pela cidade, bem como compartilhando projetos de enaltecimento da população negra e de suas respectivas memórias. Evidenciando, concomitantemente, como as sociabilidades em torno das festas da Irmandade de São Benedito, assim como a Nossa Senhora do Rosário e Nossa Senhora da Penha, também se constituíram como espaços fundamentais das experiências negras no bairro. Para tanto, debruçou-se sobre fontes como jornais, obras memorialísticas e relatos de família, fotografias e materiais cartográficos com o fito de evidenciar a partir dos trajetos das famílias negras, valores, musicalidades, bailes e dimensões coletivas das experiências constituídas pelas populações negras na Penha de França. Todas essas dimensões possibilitaram a compreensão da Penha de França como um território negro, onde as experiências socioculturais da população negra vinculavam-se às associações negras de bairros como o Bexiga, Liberdade e Barra Funda, permitindo visualizar a conformação de redes negras e seus processos de lutas antirracistas na cidade de São Paulo no pós-abolição.
Título em inglês
Black Territories in Transit: Penha de França - Sociabilities and Black Networks in São Paulo Post-abolition
Palavras-chave em inglês
Black networks
Black territories
Carnival
Penha of France
Soccer
Resumo em inglês
The present study presents the historical importance of the black population in the Penha de França neighborhood, focusing especially on the forms of sociability, leisure, political organization and strategies to fight against racism in the first decades of the 20th century. It is demonstrated how the members of the black organizations of the neighborhood, especially the carnivalescas and the soccer teams, have established relations and connections with other black associations in the city of São Paulo, outlining black transits throughout the city, as well as sharing projects of appreciation of the black population and of their respective memories. At the same time, as the sociabilities surrounding the feasts of the Brotherhood of St. Benedict, as well as Our Lady of the Rosary and Our Lady of Penha, were also constituted as fundamental spaces of the black experiences in the neighborhood. In order to do so, it focused on sources such as newspapers, memorialist works and family reports, photographs and cartographic materials with the purpose of highlighting the values, musicalities and collective dimensions of the experiences constituted by black populations in the black families. Penha of France. All these dimensions made possible the understanding of the Penha de França as a black territory, where the socio-cultural experiences of the black population were linked to the black associations of districts such as Bexiga, Liberdade and Barra Funda, allowing to visualize the conformation of black networks and their process of anti-racist struggles in the city of São Paulo in post-abolition.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-03-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.