• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2019.tde-26022019-103554
Documento
Autor
Nome completo
Joaquim João Martinho
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Chaves, Rita de Cassia Natal (Presidente)
Abdala Junior, Benjamin
David, Debora Leite
Muraro, Andréa Cristina
Título em português
Narrativa da espera no romance angolano contemporâneo: notas às alegóricas Noites de vigília de Boaventura Cardoso
Palavras-chave em português
Boaventura Cardoso
Desrepressão
Narrativa da espera
Revisitação do passado
Terra prometida
Resumo em português
Esta Dissertação, intitulada Narrativa da Espera no Romance Angolano Contemporâneo: Notas às alegóricas Noites de Vigília de Boaventura Cardoso, propõe a leitura de Noites de vigília (2012), do angolano Boaventura Cardoso. Essa obra, voltada para a revisitação do passado histórico-político angolano, sob o signo da alegoria lançada no universo teorizador por Walter Benjamin, irrompe com a história oficial ao pôr em questionamento o projeto da Terra Prometida, cujo marcador é a espera ancorada no desejo de fundação de uma associação das personagens- protagonistas, a saber: Quinito, do MPLA, e Saiundo, da UNITA. Por conseguinte, através do comparativismo literário, procuramos analisar como a recriação do sociopolítico angolano, em Noites de Vigília, indicia a desrepressão da história, visando a consumação do projeto de comunidade imaginada angolana, hasteando-se, desse modo, a bandeira da igualdade social, dando-se voz e vez aos da pereiferia social. Assim, procura-se demonstrar como a ficcionalização do histórico-político angolano denuncia um socius na contramão do apregoado ao longo do movimento anti-colonial, haja vista a proclamação da sociedade pautada na igualdade, liberdades e bemestar coletivo ainda em processo.
Título em inglês
Narrative of the waiting in the contemporany Angolan novel: notes to the allegorical Noites de vigília, of Boaventura Cardoso
Palavras-chave em inglês
Boaventura Cardoso
Deception
Narrative of waiting
Promised land
Revisiting the past
Resumo em inglês
This Dissertation, entitled Narrative of Waiting in the Contemporary Angolan Romance: Notes to the allegorical Vigil Nights of Boaventura Cardoso, proposes the reading of Vigil Nights (2012), by Angolan Boaventura Cardoso. This work, aimed at revisiting the Angolan historical-political past, under the sign of the allegory launched in the theorizing universe by Walter Benjamin, bursts into official history by questioning the Promised Land project whose marker is the "waiting" anchored in the desire to found an association of the main characters, namely: Quinito, MPLA, and Saiundo, UNITA. Therefore, through literary comparativeism, we seek to analyze how the re-creation of the Angolan sociopolitical, in Nights of Vigil, indicates the derepression of history, aiming at the consummation of the Angolan imagined community project, thereby hovering the banner of social equality , giving voice and time to those of the social pereiferia. Thus, we try to demonstrate how the fictionalization of the Angolan historical-political denounces a socius against the one proclaimed throughout the anti-colonial movement, given the proclamation of a society based on equality, liberties and collective well-being still in process.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-02-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.