• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2007.tde-25022008-104648
Documento
Autor
Nome completo
Geraldo da Aparecida Ferreira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Oliveira, Paulo Fernando da Motta de (Presidente)
D'Angelo, Biagio
Garmes, Helder
Título em português
'Memórias Póstumas de Brás Cubas' e 'Coração, Cabeça e Estômago' - Machado de Assis e Camilo Castelo Branco: leitores e críticos do romantismo
Palavras-chave em português
Camilo Castelo Branco
Coração Cabeça e Estômago
Machado de Assis
Memórias Póstumas de Brás Cubas
Romantismo
Resumo em português
O presente trabalho tem como objetivo principal analisar as posturas de Camilo Castelo Branco e Machado de Assis como leitores e como críticos do Romantismo que, de certa forma, colocaram em xeque a aplicação rígida das teorias e doutrinas vigentes para a crítica oitocentista como o naturalismo, o positivismo, o racionalismo e os ideais românticos. Realizamos este trabalho partindo do estudo das obras Coracão, Cabeça e Estômago, de Camilo Castelo Branco, e Memórias Póstumas de Brás Cubas, de Machado de Assis. Buscamos demonstrar aproximações e similaridades presentes nas duas obras, destacando textos críticos que apontaram tais semelhanças para apresentarmos algumas idéias que desenvolvemos ao longo da pesquisa. Como substrato teórico para o trabalho, utilizamos os livros Introdução ao estudo da novela camiliana, de Jacinto do Prado Coelho e Um mestre na periferia do capitalismo, de Roberto Schwarz.
Título em inglês
'Memórias Póstumas de Brás Cubas' and 'Coração, Cabeça e Estômago' - Machado de Assis and Camilo Castelo Branco: readers and critics of Romantism.
Palavras-chave em inglês
Camilo Castelo Branco
Coração Cabeça e Estômago
Machado de Assis
Memórias Póstumas de Brás Cubas
Romantism
Resumo em inglês
This work aims to analyse the postures of Camilo Castelo Branco and Machado de Assis as readeres and critics of Romantism, questioning the strict application of prevailing theories and doctrines estabilished by 19th century critics like naturalism, positivism, rationalism and romantics models. We started from the studies of Coração, Cabeça e Estômago, by Camilo and Memórias Póstumas de Brás Cubas, by Machado. We try to evidence approaches and similarities between those books, detaching studies that appointed those common aspects in order to discuss some ideas that we develop during our research. We used like theoretical subsidies, Introdução ao estudo da novela camiliana, by Jacinto do Prado Coelho and Um mestre na periferia do capitalismo, by Roberto Schwarz.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-02-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.