• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2007.tde-02102007-150520
Documento
Autor
Nome completo
Jane Adriane Gandra Veloso
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Oliveira, Paulo Fernando da Motta de (Presidente)
Garmes, Helder
Oliva, Osmar Pereira
Título em português
A (de)formação da imagem: Pinheiro Chagas refletido pelo monóculo de Eça de Queirós
Palavras-chave em português
Eça de Queirós
Histórias literárias
Manuel Pinheiro Chagas
Ostracismo literário
Polêmicas
Resumo em português
Manuel Pinheiro Chagas (1842-1895) foi, na sua época, uma personalidade influente, participando ativamente tanto no campo das letras como no da política. Além disso, ele foi autor de uma obra multiforme e de caráter popular, lida, em seu tempo, com grande interesse e entusiasmo. Contudo, hoje, é inquestionável o apagamento literário desse escritor no cânone português, enquadrado num lugar à sombra mesmo de escritores menores. O objetivo central deste trabalho consiste em evidenciar na trajetória literária de Manuel Pinheiro Chagas os fatos que, de forma decisiva, contribuíram para o seu desaparecimento do cânone. Será visto que nestes acontecimentos ocupa um papel central Eça de Queirós, que não só conseguiu apagar a importante participação de Chagas como político, crítico, historiador e prosador, mas reduziu a figura de seu desafeto, imortalizando-a no retrato-sátira de um patriota conservador e reacionário, sob o codinome de "brigadeiro do tempo de D. Maria II".
Título em inglês
The (de)formation of the image: Pinheiro Chagas reflected in the Eça de Queirós´ monocle
Palavras-chave em inglês
Controversies
Eça de Queirós
Literary histories
Literary ostracism
Manuel Pinheiro Chagas
Resumo em inglês
Manuel Pinheiro Chagas (1842-1895) was, in his time, an influential personality who took active part both in the field of literature and in politics. Moreover, he was the author of a multiform work with popular characteristics, read, in his time, with much interest and enthusiasm. Nevertheless, today, the literary erasure of this writer from the Portuguese canon is unquestionable, placed somewhere under the shadow of even second-rate writers. The central aim of this work is to show in Manuel Pinheiro Chagas's literary trajectory those facts which, in a decisive way, made him disappear from the canon. It will be shown that in these events Eça de Queirós plays a central role. He not only managed to erase Chagas's important participation as a politician, a critic, a historian, and a prose writer, but reduced the figure of his foe by immortalizing it in the satire-portrait of a conservative, reactionary patriot, under the code-name of "Brigadier from the time of D. Maria II".
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2007-10-15
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.