• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2011.tde-29032012-102410
Documento
Autor
Nome completo
Elias Mendes Gomes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Jubran, Safa Alferd Abou Chahla (Presidente)
Baccin, Paola Giustina
Vargens, João Baptista de Medeiros
Título em português
Mil e um verbos árabes: uma proposta lexicográfica
Palavras-chave em português
Lexicografia bilíngue
Língua árabe
Verbos árabes
Resumo em português
Embora a língua árabe com a poesia altamente desenvolvida na época da Jahiliyya (período que antecede ao Islã) tivesse seu indiscutível lugar na Península Arábica, foi somente com o advento e expansão do Islamismo que ela ganhou a projeção que a levou para além de suas fronteiras linguísticas históricas. Através dos séculos, a religião continuou a desempenhar um papel primordial na expansão da língua árabe, visto ser esta a língua litúrgica do islamismo, entretanto, ultimamente, outros fatores têm contribuído para um interesse maior pelo idioma, pouco, porém, tem sido feito para facilitar a sua aprendizagem, especialmente entre os lusófonos. Esta pesquisa, preocupada com a falta de apoio didático para a aprendizagem e o aprofundamento no conhecimento linguístico que, via de regra, se adquire com a decodificação de textos no idioma almejado, propõe a elaboração de um dicionário monodirecional de verbos árabe-português. O dicionário proposto nessa dissertação singulariza os mil e um verbos mais frequentes nos corpora jornalístico e literário e será compilado tendo por base princípios descritivos científicos da lexicografia moderna, não estando limitado a uma teoria particular, entretanto, privilegiando a lexicografia pedagógica de Welker (2004 e 2008). Em seu trabalho, Welker (2008) discute a lexicografia pedagógica (LP), apresentando técnicas que, se seguidas, auxiliarão os consulentes em sua tarefa de compreensão e decodificação de textos em língua estrangeira. Esse arcabouço teórico é interpretado sob a ótica da Escola de Filologia de Kufa que considerava o verbo como o originador do universo léxical árabe. Essa posição é sustentada por vários arabistas modernos que reconhecem que, embora nem todas as palavras possam ser rastreadas a uma raiz verbal, a maioria de seus lexemas deriva-se de um verbo simples. O levantamento do corpus verbal será primordialmente baseado nos trabalhos de Moshe Brill (1940) e Jacob Landau (1959) que, seguindo os parâmetros da linguística de corpus, compilaram as palavras mais frequentes na mídia e literatura árabes. Devido ao escopo do árabe padrão moderno como a lingua franca entre todos os países árabes, e por ser esta a vertente mais usada no ensino de árabe para estrangeiros, escolheu-se essa variante para este trabalho.
Título em inglês
A thousand and one Arabic verbs: A lexicographical proposal
Palavras-chave em inglês
Arabic
Arabic verbs
Bilingual lexicography
Resumo em inglês
Even though the Arabic language with the poetry highly developed during the Age of Jahiliyya (period that precedes the coming of Islam) had its indisputable place in the Arabian Peninsula, it was only with the advent and expansion of Islam that it gained the projection to beyond its historical borders. Through the centuries, religion continued to play a primordial role in the expansion of the Arabic language, as this is the liturgical language of Islam, but, recently, other factors have contributed to a greater interest in the language, few things, however, have been done to facilitate its learning, especially among the Brazilians. This research, concerned with lack of didactic support for the learning and deepening of linguistic knowledge that, as a general rule, is acquired with the decoding of texts in the desired language, proposes the elaboration of a mono-directional dictionary of Arabic-Portuguese verbs. The dictionary proposed in this thesis singles out the most frequent one thousand and one verbs in the journalistic and literary corpora and will be compiled according to the scientific descriptive principles of modern lexicography, not limited to particular theory, but the pedagogical lexicography of Welker (2004; 2008) will be favoured. Welker (2008) discusses the pedagogical lexicography (PL), presenting techniques that, if followed, will help the dictionary user in the task of comprehending and decoding texts in foreign language. This theoretical background is interpreted through the view of the Philological School of Kufa that considered the verb as the originator of the Arabic lexical universe. This position is undertaken by several modern Arabists who acknowledge that, although not all words can be traced back to a verbal root, the majority of the languages lexemes come from a simple verb. The verbal corpus will be based on the works of Moshe Brill (1940) and Jacob Landau (1959) who, following the parameters of the corpus linguistics, compiled a list of the most frequent words in the Arabic media and literature. Due to the scope of the Modern Standard Arabic as the lingua franca in all Arab countries, and because this is the most used variety in the teaching of Arabic to foreigners, it was chosen as the variant for this research.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-03-29
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.