• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2008.tde-26052008-152156
Documento
Autor
Nome completo
Edson de Faria Francisco
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Szpiczkowski, Ana (Presidente)
Araújo, Reginaldo Gomes de
Barbosa, Maria Aparecida
Siqueira, Reinaldo Wenceslau
Woodruff, Archibald Mulford
Título em português
Neologismo semântico na massorá tiberiense
Palavras-chave em português
Aramaico
Bíblia Hebraica
Hebraico
Massorá
Neologia semântica
Resumo em português
O trabalho meticuloso de preservação e de transmissão da Bíblia Hebraica elaborado pelos massoretas, no período medieval, recebe o nome de massorá. Tal designação técnica refere-se, especificamente, ao conjunto de anotações escrito nos códices massoréticos medievais de tradição tiberiense. Tais observações são também encontradas nas modernas edições críticas da Bíblia Hebraica e em algumas publicações de Bíblias rabínicas. As observações foram elaboradas e desenvolvidas por três tradições massoréticas distintas: a babilônica, a palestina e a tiberiense. A massorá de tradição tiberiense é aquela que se tornou definitiva e a mais estudada pelo mundo acadêmico. A massorá de tradição tiberiense é composta por itens terminológicos de procedência aramaica e hebraica. Os termos massoréticos foram usados de forma específica para indicar os vários aspectos do texto da Bíblia Hebraica, como questões relacionadas a consoantes, sinais vocálicos, acentos de cantilação, palavras, expressões, grafias, além de detalhes e observações gramaticais. Esse trabalho teve como objetivo principal a preservação e a transmissão completa do corpus das Sagradas Escrituras hebraicas. Devido a tal fato, esta tese é dedicada a dois objetivos principais: 1. Estudar e trazer contribuições sobre a realidade lingüística vivida pelos massoretas e seu trato das línguas hebraica e aramaica dentro da massorá. Esse estudo pretende verificar se a linguagem da massorá poderia constituir um jargão, uma gíria ou uma linguagem de especialidade. Além disso, o trabalho aborda, mesmo que brevemente, questões relacionadas à linguagem elíptica e sintetizada da massorá. 2. Seleção e análise de um conjunto de itens terminológicos massoréticos registrados no Códice de Leningrado: Firkowitch I. B19a (L), classificando-os de acordo com sua natureza semântica, como monossememia e polissememia e tipos de neologia semântica, como extensão, estreitamento, sinédoque etc. Em suma, uma classificação de possíveis situações de neologismos semânticos presentes na massorá tiberiense, como registrada no Códice L.
Título em inglês
The semantic neologisms in the Tiberian Masorah
Palavras-chave em inglês
Aramaic
Hebrew
Hebrew Bible
Masorah
Semantic neology
Resumo em inglês
The meticulous work of preservation and transmission of the Hebrew Bible created by the masoretes, in the Medieval period, is called Masorah. This technical designation refers, specifically, to the annotations written in the Medieval Masoretic codices of Tiberian tradition. These notes are also found in the modern critical editions of the Hebrew Bible and in some publications of Rabbinical Bibles. The notes were created and developed by three different Masoretic traditions: Babylonian, Palestinian and Tiberian. The Tiberian Masorah has been the definitive form and the most-studied one in the scholarly world. The Tiberian Masorah has terminological items of Aramaic and Hebrew origins. The Masoretic terms were used in a specific way to show the several aspects of the Hebrew Bible text, such as consonants, vocalic signals, intonation accents, words, expressions, spelling, orthography and also grammatical notes. The main aim of such work was the complete preservation and transmission of the corpus of the Sacred Hebrew Scriptures. On account of this fact, this thesis is dedicated to two main aims: 1. To study and to present contributions about the linguistic reality of the masoretes and their approach to the Hebrew and Aramaic languages inside the Masorah. In addition, this research verifies if the Masorah language would be jargon, slang or speciality language. Besides, this work broaches, briefly, issues about the elliptic and synthetic language of the Masorah. 2. Collection and analysis of a set of Masoretic terminological items registered in the Leningrad Codex: Firkowitch I. B19a (L), classifying them according to their semantic nature, such as monossememic and polissememic and classes of semantic neology such as extension, narrowing, synecdoche and so on. In summary, a linguistic classification of possible situations of semantic neologisms in the Tiberian Masorah that is found in the Codex L.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-06-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.