• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2012.tde-13122012-103821
Documento
Autor
Nome completo
Fabiana Carneiro da Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Natali, Marcos Piason (Presidente)
Ginzburg, Jaime
Mello, Jefferson Agostini
Título em português
Tensões do pensamento nacional no diálogo crítico entre Roberto Schwarz e Silviano Santiago
Palavras-chave em português
Roberto Schwarz
Silviano Santiago
Teoria literária - Brasil
Resumo em português
Partindo de uma sensação de desconforto em relação a certo modo de encaminhamento da reflexão crítica contemporânea no Brasil, este trabalho propõe uma análise comparativa de alguns ensaios de dois autores de notória importância para a teoria literária brasileira, a saber, Roberto Schwarz e Silviano Santiago. Por meio de um recorte que privilegia as proposições e avaliações sobre os aspectos socioculturais do país realizadas por eles, pretende-se explicitar como a perspectiva contrastiva que leva em consideração as oposições, mas também as semelhanças entre tais obras pode configurar uma possibilidade de formulações outras para questões que há muito são fundamentais no pensamento nacional. Desse modo, sem nos isentarmos de uma posição na disputa do campo, almejamos flagrar as tensões que os textos críticos estabelecem entre si e vislumbrar nesse procedimento uma potência particular. Deteremo-nos, sobretudo, nos modos como o tópico da subordinação econômica versus (in)dependência cultural (e sua relação com o nacionalismo) são desenvolvidos e envolvem estratégias de autolegitimação, bem como o embate entre pressupostos teóricos de escasso diálogo: a desconstrução e o materialismo dialético.
Título em inglês
Tensions of national thinking in the critical dialogue between Roberto Schwarz and Silviano Santiago
Palavras-chave em inglês
Literary theory - Brazil
Roberto Schwarz
Silviano Santiago
Resumo em inglês
Motivated by a certain discomfort related to a specific direction Brazils contemporary critical thought has taken, this paper proposes a comparative analysis between a few essays from two highly regarded authors in Brazilian literary criticism: Roberto Schwarz and Silviano Santiago. Through a point of view that privileges the proposals and assessments concerning the countrys socio cultural aspects carried out by them, it is intended to highlight how the contrastive perspective which takes into consideration the oppositions, but also the similarities between the aforementioned works can configure a possibility of formulating other questions that for long have been quintessential in the national thought. Thus, without excusing ourselves from taking a stand in the dispute, we aspire to point out the tensions set between the critical texts and conjecture a common faculty in this procedure. We shall focus, mostly, on the manners the topic economic subordination versus cultural (in)dependence (and its relation to nationalism) are developed and regard self-legitimization strategies, as well as the confrontation between theoretical moulds of rare dialogue: deconstruction and dialectic materialism.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-12-13
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.