• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2016.tde-26082016-132728
Documento
Autor
Nome completo
Marcio Jean Fialho de Sousa
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2016
Orientador
Banca examinadora
Garmes, Helder (Presidente)
Abdala Junior, Benjamin
Bueno, Aparecida de Fatima
Gobbi, Marcia Valéria Zamboni
Siqueira, Ana Marcia Alves
Título em português
A mimese da escrita intimista nas narrativas autodiegéticas de Eça de Queirós
Palavras-chave em português
Anacorese
Autodiegética
Eça de Queirós
Escrita intimista
Mimese
Resumo em português
A proposta desta tese é apresentar uma análise das obras O Mandarim e A Relíquia, de Eça de Queirós, a partir da perspectiva da escrita intimista. Para essa leitura serão considerados os aspectos inerentes à escrita de si segundo Michel Foucault, descritas nos textos Lécriture de soi, publicado pela primeira vez no ano de 1983, e no Volume III da História da Sexualidade: O cuidado de si, publicado em 1985. A escolha desse aporte teórico se dá pela evidenciação dos traços desse tipo de escrita nessas duas narrativas de Eça de Queirós, ora classificadas como autodiegéticas. Pretende-se demonstrar que a mimese da escrita de si elaborada pelo escritor nessas duas obras está a serviço de uma forte crítica social, que visa a atingir a própria constituição do sujeito oitocentista.
Título em inglês
Mimesis of intimate writing on autodiegetic narratives of Eca de Queiroz
Palavras-chave em inglês
Anacorese
Eca de Queiroz
Intimate writing
Mimesis
Self Diegetic
Resumo em inglês
The aim of this thesis is to present an analysis of the works The Mandarin and The Relic of Eca de Queiroz, from the intimate writing perspective. On this reading will be considered aspects of the writing the self, according to Michel Foucault, described in the texts L'écriture de soi, first published in 1983, and in Volume III of the History of Sexuality: Self care, published in 1985. The choice of this theoretical contribution is given by the disclosure of the features of this kind of writing these two narratives of Eca de Queiroz, now classified as autodiegéticas. We intend to demonstrate that Eça de Queirozs writing of itself as mimesis in these two works is at the service of a strong social criticism, which aims to achieve the very constitution of the subject nineteenth century.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-08-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.