• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2018.tde-07052018-120804
Documento
Autor
Nome completo
Caio Cesar Esteves de Souza
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Hansen, Joao Adolfo (Presidente)
Cunha, Cilaine Alves
Furtado, Joaci Pereira
Muhana, Adma Fadul
Título em português
Alvarenga Peixoto e(m) seu tempo
Palavras-chave em português
Alvarenga Peixoto
Edição
Historiografia literária
Recepção crítica
Século XVIII
Resumo em português
Este trabalho propõe uma reflexão (auto)crítica sobre a poesia atribuída ao poeta luso-brasileiro Inácio José de Alvarenga Peixoto (1744-1792). Para a realização dessa reflexão, discute-se testemunhos significativos da fortuna crítica desse autor desde o século XIX até os dias atuais, com o objetivo de compreender a leitura hegemônica dessa poesia. Em seguida, propõe-se uma breve reflexão sobre os pressupostos filológicos que regraram as edições realizadas desse corpus poético nos últimos dois séculos, com o intuito de demonstrar as suas limitações e algumas de suas implicações problemáticas à atividade da crítica literária. Propõe-se, também, a necessidade de reconhecer os textos que compõem esse corpus poético como uma alteridade, e de valorizar a sua materialidade, a despeito da progressiva desmaterialização do conceito de obra que se faz notar na atividade da crítica romântica e da filologia de base neolachmanniana. Por fim, mobiliza-se os resultados das reflexões realizadas para a produção de uma reedição desses poemas. Essa reedição é produzida a partir de critérios cumulativos, negando a pertinência do processo de seleção de variantes autorizadas por meio da colagem de testemunhos para reconstruir um texto genuíno que expresse a última vontade autoral. De modo geral, este trabalho busca, acima de tudo, conferir à materialidade dos poemas atribuídos a Alvarenga Peixoto uma posição central no debate sobre essas produções coloniais setecentistas.
Título em inglês
Alvarenga Peixoto and his time
Palavras-chave em inglês
Alvarenga Peixoto
Critical reception
Edition
Eighteenth century
Literary historiography
Resumo em inglês
In this thesis, I propose a (self-)critical reflection on the poetry attributed to the Luso-Brazilian poet Inácio José de Alvarenga Peixoto (1744-1792). In order to carry out this discussion and understand the hegemonic interpretation of that poetry, I analize some significant texts from Alvarenga Peixotos critical fortune from the early nineteenth century to the present day. Then, I propose a brief discution on the philological assumptions adopted by the editors of that poetic corpus on the last two centuries, to demonstrate their limitations and some of the problematic implications they cause to literary criticism. I also propose the relevance of recognizing the otherness of those texts, and the need of valuing their materiality, in spite of the progressive dematerialization of the concept of (literary) work, that can be noticed on the romantic literary criticism and the neolachmannian philology. Lastly, I mobilize the results of the mentioned discussions to re-edit the poems attributed to Alvarenga Peixoto. This re-edition is built uppon cumulative criteria, denying the relevance of the process of selecting authorized variants through the comparison of the known manuscripts to build a genuine text, that represents the final authorial intention. Overall, this thesis intends to give a central position on the debate over the colonial productions of the eighteenth century to the materiality of the edited poems.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-05-07
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.