• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2007.tde-08112007-144148
Documento
Autor
Nome completo
Cristianne Aparecida de Brito Lameirinha
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Pinto, Maria Cecilia Queiroz de Moraes (Presidente)
Atik, Maria Luiza Guarnieri
Campos, Regina Maria Salgado
Título em português
O sentido do exílio em 'La Peste' de Albert Camus
Palavras-chave em português
Absurdo
Albert Camus
Exílio
Peste
Revolta
Resumo em português
O exílio é um tema recorrente, embora pouco explorado, em Albert Camus. Sua obra é organizada em dois ciclos de criação: o absurdo e a revolta. Apesar de situado pelo autor no ciclo da revolta, propõe-se neste trabalho uma nova leitura de La Peste, obra que permite captar em um único texto a multiplicidade da temática do exílio em Camus, caracterizando-a como livro de transição entre esses dois conceitos, com a lucidez como elemento comum. O homem absurdo se percebe como tal pela consciência que tem de seu universo. Para o homem revoltado, a lucidez permite o combate. Em La Peste, o exílio, sob três aspectos, físico-social, psicológico e metafísico, integra a condição humana metafísica, em contraponto à condição histórica, tornando possível compreender tanto sua perspectiva como a do reino neste autor.
Título em inglês
The direction of exile in 'La peste' by Albert Camus
Palavras-chave em inglês
Absurdity
Albert Camus
Exile
Plague
Rebellion
Resumo em inglês
Exile is a recurring subject, though little explored, in Albert Camus. His work is organized in two creation phases: absurdity and rebellion. Even though situated by the author in the rebellion phase, this work proposes a new reading of La Peste, which allows seizing in only one text the thematic multiplicity of exile in Camus, characterizing it as a book of transition between these two concepts, with lucidity as their common feature. The absurd man thus perceives himself by means of the conscience he has of its universe. For the rebellious man, lucidity allows struggle. In La Peste, exile, under three aspects, physical-social, psychological and metaphysical, integrates the metaphysical human condition, in counterpoint to the historical condition, making it possible to understand its perspective, as well as the perspective of the kingdom, in this author.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2007-11-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.