• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2001.tde-28112001-084627
Documento
Autor
Nome completo
Susana Francischetti Garcia
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2001
Orientador
Banca examinadora
Andrade, Claudia Regina Furquim de (Presidente)
Lopes, Debora Maria Befi
Santos, Teresa Maria Momensohn dos
Título em português
Análise da Fluência Verbal de Surdos Oralizados em Português Brasileiro e Usuários de Língua Brasileira de Sinais
Palavras-chave em português
adultos
fala
fluência
língua de sinais
surdez
Resumo em português
Este estudo tem como objetivo traçar o perfil da fluência verbal de surdos oralizados em Português Brasileiro, usuários de Língua Brasileira de Sinais, em relação aos aspectos de velocidade da fala, tipologia das disfluências da fala, e freqüência de rupturas da fala, tanto na produção oral quanto na produção multimodal. O perfil da fluência foi investigado através da análise perceptual de amostras de fala de 12 indivíduos adultos surdos profundos congênitos. A metodologia de coleta e a análise da fluência foi baseada em protocolo brasileiro de avaliação da fluência. Os dados obtidos foram comparados intra-grupo, ou seja, a produção oral dos surdos com sua produção multimodal, e inter-grupos, a produção dos surdos com os parâmetros de fluência de ouvintes falantes de Português Brasileiro. Os resultados indicam que a fluência da fala dos surdos, tanto na produção multimodal quanto na produção oral são diferentes da fluência dos ouvintes. A velocidade da fala dos surdos é mais lenta que a dos ouvintes. Quanto à tipologia das disfluências da fala, os surdos apresentam resultados diferentes dos ouvintes (exceto na produção oral, para disfluências comuns). A freqüência de rupturas da fala dos surdos é superior à dos ouvintes (exceto na produção multimodal, para a porcentagem de descontinuidade de fala). Este estudo evidencia a necessidade de novas pesquisas sobre a fluência verbal dos surdos.
Título em inglês
Analyses of the verbal fluency of deaf individuals with oral Brazilian Portuguese language and users of the Brazilian Sign Language
Palavras-chave em inglês
adults
deaf
fluency
sign language
speech
Resumo em inglês
This research aimed to determine the verbal fluency profile of deaf individuals with oral Brazilian Portuguese language and users of the Brazilian Sign Language, in relation to speech rate, type of disfluencies and frequency of speech disruptions, in the oral and multimodal production. The fluency profile was investigated through the perceptual analyses of the speech samples of 12 deaf adults with severe congenital hearing loss. The adopted methodology and the fluency analyses were based on the Brazilian protocol of fluency analyses. The obtained data was analysed within the group, that is, comparing the oral production of the deaf individuals to their multimodal production, and between groups, that is, comparing the oral production of the deaf individuals to the oral production of hearing individuals speakers of the Brazilian Portuguese. The results indicate that the fluency of speech of deaf individuals, in the multimodal and in the oral production, are different than hearing individuals. The speech rate of deaf individuals is slower than that presented by hearing individuals. In relation to the type of disfluencies presented, the deaf individuals present different results than that observed in hearing individuals (except in the oral roduction for the common disfluencies category). The frequency of the speech disruptions presented by the deaf individuals is superior to that of the hearing group (except for the multimodal production for the percentage of speech discontinuity category). This study emphasizes the need of more research about the verbal fluency of deaf individuals.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
tde.pdf (299.79 Kbytes)
Data de Publicação
2002-12-20
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • ANDRADE, C. R. F., e GARCIA, Susana Francischetti. A influência do tipo de aleitamento no padrão de sucção dos bebês. Pró-Fono , 1998, vol. 10, nº 1, p. 40-44.
  • ANDRADE, C. R. F., e GARCIA, Susana Francischetti. O tipo de aleitamento e o padrão miofuncional oral em bebês. In Linguagem sob a troca de olhar entre a educação e a saúde, São Paulo, 1995. Anais Linguagem sob a troca de olhar entre a educação e a saúde.São Paulo : Tec Art, 1995. Resumo.
  • GARCIA, Susana Francischetti, e ANDRADE, C. R. F. Aleitamento materno e atuação fonoaudiológica. In 46ª Reunião da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência, Vitória. Anais da 46ª Reunião da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência., 1994. Resumo.
  • GARCIA, Susana Francischetti, e ANDRADE, C. R. F. Análise da fluência verbal de surdos oralizados em Português Brasileiro e usuários de Língua Brasileira de Sinais. In X Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia, Belo Horizonte, 2002. Anais do X Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia (CD-ROM)., 2002. Resumo.
  • GARCIA, Susana Francischetti, e ANDRADE, C. R. F. Estimulação precoce para adequação de modelos alimentares. In VI Seminário Interdisciplinar - CEFa: Fonoaudiologia e Saúde Pública, São Paulo, 1994. Anais do VI Seminário Interdisciplinar - CEFa: Fonoaudiologia e Saúde Pública., 1994. Resumo.
  • GARCIA, Susana Francischetti, e ANDRADE, C. R. F. Perfil da velocidade da fala de surdos: comparação da fluência oral e multimodal. In XVII Encontro Internacional de Audiologia, Bauru, 2002. Anais do XVII Encontro Internacional de Audiologia., 2002. Resumo.
  • GARCIA, Susana Francischetti, e ANDRADE, C. R. F. Aspectos Comparativos da Fluência Verbal na Deficiência Auditiva Neurossensorial. Barueri : Pró-Fono, 2001{Volume}.{Serie}
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.