• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2007.tde-12112007-141109
Documento
Autor
Nome completo
José Roberto do Carmo Junior
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Tatit, Luiz Augusto de Moraes (Presidente)
Barros, Diana Luz Pessoa de
Nestrovski, Arthur Rosenblat
Oliveira, Lucia Teixeira de Siqueira e
Wisnik, Jose Miguel Soares
Título em português
Melodia e prosódia: um modelo para a interface música-fala com base no estudo comparado do aparelho fonador e dos instrumentos musicais reais e virtuais
Palavras-chave em português
Fonologia prosódica
Glossemática
Instrumentos musicais
Melodia
Prosódia
Semiótica
Resumo em português
O presente estudo procura reconstituir o sistema de categorias da melodia tonal a partir da investigação de algumas propriedades comuns ao aparelho fonador humano e aos instrumentos musicais reais e virtuais. Analisando essas propriedades à luz da teoria Glossemática (Hjelmslev, 1975) e da fonologia prosódica (Nespor & Vogel, 1986), a investigação chegou aos seguintes resultados: (I) dado que o sistema musical e o sistema fonológico possuem categorias comuns, pode-se sustentar a existência de um parentesco genético entre expressão verbal e expressão musical; (II) os sistemas apresentam orientações opostas: no sistema fonológico das línguas naturais, a categoria dos segmentos (ou constituintes) é relativamente expandida, enquanto a categoria dos suprasegmentos (ou caracterizantes) é concentrada. Inversamente, no sistema da melodia tonal é a categoria dos suprasegmentos que é relativamente expandida, enquanto a categoria dos segmentos é concentrada, (III) o efeito de sentido característico da melodia tonal é fruto de uma configuração sintagmática de suprasegmentos(cronemas, tonemas e dinamenas) hierarquicamente organizados; (IV) outras categorias do sistema melódico (andamento, dinâmica e timbre) ocupam um papel à parte ne hieraquia melódica e são as principais responsáveis pelas marcas deixadas no enunciado pela instância intérprete do sujeito da enunciação.
Título em inglês
Melody and prosody: discussion about the tonal melodic system of categories by investigating some of the properties that are common to both the human vocal tract and to musical instruments - real or virtual
Palavras-chave em inglês
Glossematics
Melody
musical instruments
Prosodic phonology
Prosody
Semiotics
Resumo em inglês
This work aims to discuss the tonal melodic system of categories by investigating some of the properties that are common to both the human vocal tract and to musical instruments - real or virtual. The analysis of these properties from the standpoint of the Glossematics theory (Hjelmslev, 1975) and of the prosodic phonology (Nespor & Vogel, 1986) led us to the following results: (I) because the music system and the phonological system comprise common categories it is possible to establish a genetic kinship between verbal and musical expression; (II) both systems present opposite properties: in the phonological system of natural languages the segmental categories (or constitutives) are relatively expanded whereas the suprasegmental categories (or characterizers) are concentrated. Conversely, in the tonal melodic system the suprasegmental categories are the ones that are relatively expanded whereas the segmental categories are concentrated; (III) the characteristic meaning effect of tonal melodies comes as a result of a hierarchly structured syntagmatic configuration of suprasegments (chronemes, tonemes, dynamenes); (IV) other categories of the melodic system (tempo, dynamics, timbre) play a distinct role in the melodic hierarchy and are the main responsible for the marks left on the text by the performer instance of the enunciation subject.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2007-12-12
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.