• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2007.tde-10072007-104907
Documento
Autor
Nome completo
Ubirajara de Farias Prestes Filho
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Barbosa, Wilson do Nascimento (Presidente)
Andrello, Geraldo Luciano
Campos, Flavio de
Marin, Jérri Roberto
Mendes, Marcel
Título em português
O indígena e a mensagem do segundo advento: missionários adventistas e povos indígenas na primeira metade do século XX
Palavras-chave em português
Adventismo
Ashaninka
Aymara
Karajá
Missão Religiosa
Pemom
Resumo em português
O objetivo desta tese é demonstrar que, na primeira metade do século XX, havia nos diferentes textos adventistas uma representação homogênea dos povos indígenas da América do Sul, apresentados como se estivessem "pedindo ansiosamente" pela presença de missões, pois seriam carentes de "civilização". Essa abordagem, entretanto, não exclui as peculiaridades de cada projeto adventista em áreas indígenas, com seus próprios indicadores de eficiência, e suas variadas recepções. O modelo de missão adventista desenvolvido no Peru a partir de 1910, principalmente entre os Aymara da região do Lago Titicaca, produziu expectativas a respeito dos trabalhos que poderiam ser realizados entre diferentes etnias. O caso das missões entre os Ashaninka também recebeu destaque nas publicações da igreja. Outro projeto de missão que repercutiu significativamente a partir de 1911 nas publicações adventistas ocorreu entre grupos Pemom, nas fronteiras entre o Brasil, a Venezuela e a Guiana. A existência de uma religiosidade marcadamente profética na região, o Aleluia, é um importante fator para a análise da conversão ao adventismo. Por fim, esta tese aborda o projeto missionário adventista da região do Rio Araguaia, a partir de 1927. Publicações adventistas revelam as expectativas de que ocorressem batismos entre os Karajá, apesar das dificuldades para se alcançar esse objetivo. De qualquer maneira, a missão no Araguaia serviu para divulgação de uma imagem filantrópica da igreja, que estaria interessada na "pregação do evangelho" e na "civilização" do índio brasileiro
Título em inglês
The native Indian and the message of the Second Advent: adventist missionaries and native Indians in the first half of the 20th Century
Palavras-chave em inglês
Adventism
Ashaninka
Aymara
Karaja
Pemom
Religious Mission
Resumo em inglês
The purpose of this dissertation is to demonstrate that, in the first half of the 20th century, in different adventist texts, there was a homogeneous representation of native Indians in South America. They are portrayed as if "asking anxiously" for the establishment of missions, for they were in need of "civilization". This approach, nevertheless, does not exclude the peculiarities of each adventist project in native Indian regions, with its own indicators of efficiency, and its varied receptions. The mission model developed in Peru from 1910 on, especially among the Aymara from the Lake Titicaca region, produced expectations regarding the works that could be accomplished among the different ethnic groups. The case of the missions among the Ashaninka also received prominence in the church's publications. Another mission project that significantly reverberated in adventist publications from 1911 on occurred among Pemom in the border between Brazil, Venezuela and Guiana. The existence of a deeply prophetic religiosity in the region, the Alleluia, is an important factor for analysis of the conversion into adventism. At last, this dissertation approaches the adventist missionary project in the Araguaia River region, from 1927 on. Adventist publications reveal the expectations that baptism could occur among the Karaja, despite the difficulties to accomplish this goal. At any rate, the Araguaia Mission served to make public a philanthropic image of the church, which would be interested in the "preaching of the gospel" and in the "civilization" on the Brazilian Indian
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2007-08-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.