• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2015.tde-02072015-152555
Documento
Autor
Nome completo
Fábio Augusto Morales Soares
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Guarinello, Norberto Luiz (Presidente)
Faversani, Fábio
Fleming, Maria Isabel D'Agostino
Florenzano, Maria Beatriz Borba
Sebastiani, Breno Battistin
Título em português
Atenas e o Mediterrâneo romano: espaço, evergetismo e integração
Palavras-chave em português
Atenas Pós-Clássica
Espacialidade
Evergetismo
Integração
Romanização
Resumo em português
Esta tese discute a produção do espaço urbano em Atenas de 200 a.C. a 14 d.C., analisando a interação entre práticas evergéticas, propaganda dinástica/imperial, e tradições e demandas locais. Após um extensivo levantamento dos estudos sobre o tema, assim como suas fontes e paradigmas, os capítulos que seguem discutem as intervenções espaciais em Atenas realizadas por ou em associação a reis helenísticos, potentados romanos e a casa imperial. Argumenta-se que estas intervenções formaram diferentes programas urbanos com lógicas espaciais específicas; e cada programa urbano deveria dialogar com os anteriores para afirmar sua própria lógica. Mais do que uma mera metáfora da história política, a história espacial de Atenas tardo-helenística e romana é tomada como parte da cultura material pela qual as estruturas políticas locais e imperiais se (re)produziam, no contexto de processos de integração mediterrânicos específicos.
Título em inglês
Athens and the Roman Mediterranean: space, euergetism and integration
Palavras-chave em inglês
Euergetism
Integration
Post-classical Athens
Romanization
Spatiality
Resumo em inglês
This thesis discusses the production of the Athenian urban space from 200 BC to 14 AD, analyzing the interaction between euergetic practices, dynastic/imperial propaganda, and local traditions and demands. After a extensive survey of the studies on this subject and their sources and paradigms, the following chapters discuss the Athenian spatial interventions made by or in association with Hellenistic kings, Roman rulers and the imperial family. It is argued that these interventions formed different urban programs with specific spatial logics; and each urban program must dialogue with the earlier ones to assert its own logic. More than a mere metaphor of political history, the spatial history of Late Hellenistic and Early Roman Athens is taken as part of the material culture by which imperial and local political structures (re)produced themselves, in the context of specific Mediterraneans process of integration.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-07-02
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.