• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2011.tde-31052011-152113
Documento
Autor
Nome completo
Hideko Miyata
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Suzuki, Julio Cesar (Presidente)
Gomes, Marcio Fernando
Lemos, Amalia Ines Geraiges de
Scarlato, Francisco Capuano
Vitte, Claudete de Castro Silva
Título em português
Trabalho, redes e territórios nos circuitos da economia urbana: uma ánalise da venda direta em Jundiaí e região metropolitana de São Paulo
Palavras-chave em português
Economia urbana
Redes
Território
Venda direta
Resumo em português
Na atual fase da economia neoliberal, com a reformulação produtiva das relações de capital e trabalho, em que se busca a reprodução ampliada do capital, a configuração da economia globalizada tem levado a uma nova ordem dialética entre o circuito superior e inferior. As dinâmicas recentes da economia brasileira vêm influindo na expansão dos dois circuitos da economia urbana nas grandes cidades brasileiras. A presente pesquisa tem como objetivo analisar o sistema de venda direta, uma forma de comercialização promovida por empresas como a Avon e a Natura, que fabricam e comercializam produtos cosméticos e perfumaria diretamente da indústria para o consumidor, tendo como área de estudo a cidade de Jundiaí (SP) e a Região Metropolitana de São Paulo, no período de 1990 a 2010. Esta forma de estratégia empresarial, a venda direta, permite a inserção de uma variada gama de trabalhadores, geralmente urbanos, integrando-se ao modelo de produção dominante, a partir de um contrato comercial. Na compreensão desse processo, impôs-se a análise na qual se potencializa a acumulação de capital sob a forma de exploração da força de trabalho, cada vez mais flexível e precário. Essa articulação, que explica a existência combinada e concomitante de diferentes estágios tecnológicos no interior do mesmo conjunto de processos produtivos, torna indiscutível que o critério de moderno e atrasado são faces do mesmo modo de reprodução social capitalista. Se no passado a venda direta era adotada por algumas poucas empresas, hoje é adotada por grandes e pequenas. Nesse sentido, é necessária a compreensão das transformações das grandes empresas, que constituem o circuito superior da economia, com o circuito inferior, em sua busca de reprodução ampliada de capital por meio da acumulação primitiva, presentes em muitas formas de trabalho contemporâneo. Foram estudadas as empresas de venda direta que distribuem seus produtos por meio de catálogos (Avon e Natura), por carrinhos (Nestlé e Yakult) e o caso do marketing de rede (Forever Living Products), demonstrando a peculiaridade de cada atividade em suas diferenciações dentro do sistema de venda direta. Nossa análise apontou para a capacidade, tanto do circuito superior como do circuito inferior, em se renovar e se expandir, no período de globalização. Em suma, uma reflexão sobre os dois circuitos da economia urbana nos coloca diante de novas interações entre o capital e o trabalho no período atual.
Título em inglês
Labor, networks and territories in the circuits of urban economy: a analysis of direct selling in Jundiaí and the metropolitan area of São Paulo
Palavras-chave em inglês
Direct selling
Networks
Territory
Urban economy
Resumo em inglês
In the current phase of neoliberal economics, with the productive reformulation of the relations of capital and labor, which seeks expanded reproduction of capital, the economy has led to a new dialectic order between the upper and lower circuits. The recent dynamics of the Brazilian economy are influencing the expansion of the two circuits of urban economy in large cities. This research aims to analyze the direct selling system, a type of marketing promoted by companies such as Avon and Natura, which manufacture and market cosmetics and perfumery directly from industry to consumers, with the study area being Jundiaí (SP) and the metropolitan area of São Paulo, from 1990 to 2010. This form of corporate strategy, direct selling, allows the inclusion of a diverse range of employees, usually urban, integrating into the dominant model of production, starting from a commercial contract. In understanding this process, it was imposed the analysis which enhances the accumulation of capital in the form of exploitation of the workforce, increasingly flexible and precarious. This coordination, which explains the existence and simultaneous combination of different technological stages within the same set of manufacturing processes, makes it unquestionable that the criterion of "modern" and "delayed" are faces of the same mode of capitalist social reproduction. If in the past direct selling was adopted by a few companies, today it is adopted by large and small ones. Thus, it is necessary to understand the transformations of large enterprises, which constitute the upper circuit of the economy, with the lower circuit, in their search for enlarged reproduction of capital through primitive accumulation, present in many forms of contemporary work. We studied the direct selling companies that distribute their products through catalogs (Avon and Natura), cart sales (Yakult and Nestlé) and the case of network marketing (Forever Living Products), showing the peculiarities of each activity in their differentiation inside the direct selling system. Our analysis pointed to the ability of both the upper circuit and lower circuit in renewing and expanding in the period of globalization. In short, a reflection on the two circuits of urban economy puts us in front of new interactions between capital and labour in the current period.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
2010_HidekoMiyota.pdf (2.66 Mbytes)
Data de Publicação
2011-05-31
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.