• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Lisandra Pereira Lamoso
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2001
Orientador
Banca examinadora
Mamigonian, Armen (Presidente)
Hollanda Filho, Sergio Buarque de
Passos, Messias Modesto dos
Scarlato, Francisco Capuano
Sposito, Eliseu Savério
Título em português
A exploração de minério de ferro no Brasil e no Mato Grosso do Sul.
Palavras-chave em português
Corumbá
industrialização
Mato Grosso do Sul
mineração
minério de ferro
Resumo em português
Esta pesquisa trata da produção do espaço geográfico pela indústria mineral de ferro através do processo de industrialização brasileiro, utilizando a categoria da Formação Social e a Teoria dos Ciclos Juglarianos. A industrialização brasileira ocorreu através da substituição escalonada de importações, transferindo recursos de áreas com capacidade ociosa para áreas deficitárias. A partir da Segunda Guerra Mundial, o desenvolvimento tecnológico ampliou a capacidade de transporte das embarcações, barateando os custos de frete e isso fez com que a produção das minas localizadas em países não-tradicionais na exploração de minério de ferro fossem inseridas no mercado internacional. Os investimentos na expansão da capacidade encontraram limites na fase depressiva da década de oitenta. Na década de noventa, as grandes empresas de mineração participaram de investimentos nos serviços públicos (infra-estrutura de transportes e energia). Na década de noventa também, tem início a expansão do uso do gás natural como matriz energética para a indústria brasileira. Esse fator encaminha para a superação de parte das deficiências na infra-estrutura instalada na região Noroeste do Estado de Mato Grosso do Sul, onde reservas de minério de ferro e manganês são conhecidas desde a segunda metade do século XIX e onde estão localizadas duas empresas, Urucum Mineração e Mineração e Mineração Corumbaense Reunida, de propriedade, respectivamente da Companhia Vale do Rio Doce e da Rio Tinto, duas das maiores empresas de mineração do mundo.
Título em inglês
The iron ore mineral exploration in Brazil and Mato Grosso do Sul.
Palavras-chave em inglês
economic geographic
industrialization
iron ore
mining
Resumo em inglês
This research deals with the production of geographic space by iron mineral industry, by means of the brazilian process of industrialization utilizing the category of Social Formation and the theory of Juglarian Cycles. The brazilian industrialization occured athwart the scaled substitution of imports transferring resources from areas of idle capacity to areas in deficit. From the Second World War on, tecnological development amplified the transport capacity of ships, cheapining freight costs and it made the production of mines localized in non-traditional countries in iron ore exploration to be inserted in the international commerce. Investments on capacity expansion encountered limits on the depressive phase in the eighty’s decade. In the ninety’s decada large mining companies participated on investments in public services (transport and energy infrastructure). In the ninety’s, it also began the expansin of natural gas use as energetic matrix for the brazilian industry. This fact leads to the overcoming of part of the infrastructrure deficis installed in the north west of Mato Grosso do Sul, where reserves of iron ore and manganese are known since the second part of the nineteenth century, and where are localized two companies of Urucum Mineração and Mineração Corumbaense Reunidas, properties of Compania Vale do Rio Doce and Rio Tinto, respectivamente, the two largest mining companies of the world.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
lamoso.pdf (2.44 Mbytes)
Data de Publicação
2001-10-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.