• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
José Raimundo Sousa Ribeiro Júnior
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Damiani, Amelia Luisa (Presidente)
Martins, Flavia Elaine da Silva
Nasser, Ana Cristina Arantes
Oliveira, Ariovaldo Umbelino de
Seabra, Odette Carvalho de Lima
Título em português
Alienação das práticas alimentares e urbanização: uma análise da alimentação da classe trabalhadora em São Paulo
Palavras-chave em português
Alienação
Alimentação
Fome
Reprodução das relações sociais
Urbanização
Resumo em português
Essa pesquisa tem como objetivo avançar na compreensão dos problemas relacionados à alimentação da classe trabalhadora. Para isso, tomamos como ponto de partida a crítica ao conceito de segurança alimentar e ressaltamos como sua aplicação em políticas nacionais e internacionais não resultou na erradicação da fome. Em seguida, buscamos superar uma compreensão redutora da alimentação (que define-a como uma necessidade elementar ou biológica) por meio da consideração das práticas alimentares (produzir, adquirir, preparar e consumir os alimentos). Neste percurso, ressaltamos que considerar a reprodução das relações sociais capitalistas é indispensável para a compreensão da alienação que caracteriza tais práticas. Na segunda parte da tese passamos a considerar o processo de urbanização da metrópole paulistana, com o objetivo de explicitar como a segregação espacial interfere na reprodução da classe trabalhadora e consequentemente na maneira como ela realiza suas práticas alimentares. Destacamos a importância do conceito de urbanização crítica, fundamental para a interpretação da reprodução da classe trabalhadora na cidade e tomamos dois recortes espaciais (Brás e Grajaú) como meio de aprofundar a análise das práticas alimentares em São Paulo. Por fim, no último capítulo identificamos as dificuldades e os constrangimentos que caracterizam as práticas alimentares dos trabalhadores entrevistados e destacamos formas específicas de lidar cotidianamente com a falta de alimentos e a fome.
Título em inglês
The alienation of the food and urbanization: an analysis of working class food practices in São Paulo
Palavras-chave em inglês
Alienation
Food
Hunger
Reproduction of social relations
Urbanization
Resumo em inglês
This research aims to advance in the comprehension of the problems related to the way in which the working class realizes its food practices. Firstly we start make a critique of the food security concept and highlight how national and international policies based on it were not able to eradicate hunger. In order to overcome the understanding of food as an elementary or biological need we consider all the practices (produce, purchase, prepare and consume) related to food and highlight that because of the reproduction of capitalist social relations these practices are alienated. In the second part of this work we take into account the urbanization process to explicit how spatial segregation interferes in working class reproduction and consequently in the way it realizes the food practices. We have conducted interviews in two different neighbourhoods from São Paulo (Brás and Grajaú) in order to deep the analysis and understand better how the critical urbanization weigh over the food practices. In the last chapter, we try to interpret the difficulties and constraints that characterizes the food practices of our interviewees highlighting the way they deal with the lack of food and hunger.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-08-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.