• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2018.tde-19032018-113618
Documento
Autor
Nome completo
Mariana Martins Lemes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Miranda, Maria Eliza (Presidente)
Lima, Maria das Graças de
Mello, Marisol Barenco Correa de
Vidal, Diana Goncalves
Título em português
Interferências no tempo-espaço da aula: percepções dos professores sobre a política educacional de São Paulo
Palavras-chave em português
Educação escolar básica
Escola pública
Política educacional
Qualidade da educação
São Paulo
Resumo em português
No presente trabalho realizamos a investigação do que denominamos de dinâmica de interferências, conjunto de intervenções diretas no tempo-espaço da aula, que ocorre nas escolas públicas (redes municipal e estadual) localizadas no município de São Paulo. Diversas instâncias da instituição escolar intervêm diretamente nas escolas públicas paulistanas, interrompendo o trabalho que os professores realizam com seus alunos. A partir da análise de textos oficiais e de enunciados de professores (proferidos entre 2010 e 2014, no âmbito de grupo de pesquisas e estudos), verificamos que a dinâmica de interferências é resultado de um acúmulo de projetos implantados nas escolas, muitos deles com o objetivo de garantir uma educação escolar de qualidade. O atual modelo de gestão em rede dos sistemas municipal e estadual proporciona as condições necessárias para que essa política educacional tenha uma distribuição relativamente homogênea, posto que há intervenções no tempo-espaço da aula em praticamente todas as escolas públicas de São Paulo. Essa dinâmica de interferências acarreta problemas para os professores, especialmente no que tange a aplicação do plano de trabalho docente, que é frequentemente interrompida. Os professores adotam diferentes estratégias para lidar com as interferências, buscando formas de garantir a aplicação do seu plano, mas o resultado final fica aquém do esperado pelos professores. Assim, apesar de as políticas educacionais se pautarem no discurso da qualidade de ensino, a dinâmica de interferências no tempo-espaço da aula vem prejudicando o trabalho docente e, consequentemente, a educação escolar.
Título em inglês
Interferences in class time-space: teachers' perceptions of educational policies in São Paulo
Palavras-chave em inglês
Educational policies
Public school
Public school education
Quality of education
São Paulo
Resumo em inglês
In the present work we investigate what we call the "dynamics of interferences", which consist of a series of direct interventions in the class space-time in public schools (state and municipal systems) located in the City of São Paulo. Various education institution bodies intervene directly in public schools of São Paulo, interrupting teachers work with their students. Based on the analysis of official documents and teachers statements (made between 2010 and 2014, within the scope of a research and study group), we have verified that the interferences are the result of an accumulation of projects implemented in schools most of them aiming to ensure the quality of school education. The current network management model, at state and municipal levels, provides the necessary conditions for a relatively homogenous implementation of such educational policy, since interventions in the class space-time occur in nearly all public schools in São Paulo. These dynamics of interferences cause problems for teachers, especially regarding the execution of their work plan, which is frequently interrupted. Teachers make use of various strategies to deal with the interferences, searching for ways to ensure the execution of their plan, but the result ends up being below teachers expectations. Therefore, despite the fact that educational policies are implemented on the grounds of quality of education, the dynamics of interferences in class space-time have been proving damaging to teachers work and, consequently, to school education as a whole.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-03-19
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • LEMES, M. M., e MIRANDA, Maria Eliza. A Situação da Aprendizagem da Linguagem Gráfica no Ensino de Geografia Atualmente. In IV Congresso Brasileiro de Educação 'Ensino e Aprendizagem na Educação Básica - desafios curriculares', Bauru - SP, 2013. IV Congresso Brasileiro de Educação "Ensino e Aprendizagem na Educação Básica - desafios curriculares"., 2013. Resumo.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.