• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2010.tde-14102010-093052
Documento
Autor
Nome completo
Zulimar Márita Ribeiro Rodrigues
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Ribeiro, Wagner Costa (Presidente)
Barrozo, Ligia Vizeu
Contel, Fabio Betioli
Ribeiro, Helena
Rocha, Marcio Mendes
Título em português
Sistema de indicadores e desigualdade socioambiental intraurbana de São Luis - MA
Palavras-chave em português
Desigualdades socioambientais
São Luís-MA
Sistema de indicadores intraurbanos
Resumo em português
Aplicação de um sistema de indicadores intraurbano à cidade de São Luís para mensurar a sua desigualdade socioambiental. Como instrumentos para medir e informar sobre as cidades, os indicadores urbanos podem ser classificados em: indicadores intermunicipais e intramunicipais. Com base nesta divisão, utiliza-se a escala intraurbana para propor um sistema de indicadores aplicado à capital maranhense, subdividido em quatro dimensões: habitabilidade, saneamento, educação e renda. Para compor os indicadores das respectivas dimensões, foram utilizados os dados secundários do censo IBGE/2000, desagregados ao nível dos 780 setores censitários de São Luís (MA). A análise estatística dos dados é fundamentada em técnicas multivariadas, a saber: Análise Fatorial (AF) e Análise de Clusters (AC). A primeira técnica permitiu resumir e reduzir os dados censitários, sem perda significativa das informações originais. A segunda técnica proporcionou a definição e a agregação dos setores censitários em quatro clusters distintos. Com os resultados estatísticos dos indicadores que componham cada uma das quatro dimensões, os clusters identificados foram mapeados e comparados entre si para dimensionar a desigualdade intraurbana. Na dimensão habitabilidade, avaliou-se dois aspectos: padrão de moradia e o acesso à propriedade. Observou-se que não há grandes desigualdades intraurbanas na dimensão habitabilidade. A segunda dimensão foi o saneamento, com ênfase em três subdimensões: abastecimento de água, rede coletora de esgotos e de lixo. Nesse tópico a maior desigualdade intraurbana está relacionada ao serviço de coleta de esgotos, seguido do serviço de coleta de lixo e abastecimento de água. Na dimensão educação, abordaram-se duas subdimensões: alfabetização da população por faixa etária e escolaridade do responsável pelas residências. As desigualdades intraurbanas não revelaram grandes discrepâncias quanto aos indicadores educacionais entre os quatro clusters na cidade, exceto para a subdimensão, escolaridade do responsável com 15 anos de estudo, sobretudo, quando comparado às áreas norte e sul do espaço urbano. A dimensão renda do responsável foi o tópico que revelou a maior discrepância intraurbana em relação às demais dimensões avaliadas e entre os clusters. Através do sistema de indicadores intraurbanos, proposto para São Luís, concluiu-se que espaço urbano é desigual social e ambientalmente. As diferenças internas da cidade foram avaliadas e cartograficamente representadas, utilizou-se para elaboração dos mapas, o programa ArcGIS versão 9.3.
Título em inglês
Intraurban system of indices and social and environmental inequalities in São Luís - MA
Palavras-chave em inglês
Intraurban system of indices
São Luís-MA
Social and environmental inequalities
Resumo em inglês
The aim of this work is to establish and apply an interurban system of indices to the city of São Luís in order to measure its social and environmental inequality. As instruments to measure and inform about cities, urban indices may be classified as: intermunicipal and intramunicipal indices. Based on this division, the interurban scale is used to propose a system of indices applied to the capital of the State of Maranhão, subdivided into four dimensions: habitability, sanitation, education and income. In order to compose the indices for the respective dimensions, the secondary data of the Demographic Census 2000 by IBGE (Brazilian Institute of Geography and Statistics) were utilized, disaggregated to the level of the 780 sectors surveyed in São Luís (MA). The statistical data analysis is based on multivaried techniques, viz: factorial analysis (FA) and clusters Analysis (CA). The first technique allowed to abridge and to reduce the data of the census statistics, without significant loss of the original pieces of information. The second technique made possible the definition and the aggregation of the surveys sectors in four distinct clusters. With the statistical results of the indices which composed each one of the four dimensions, the clusters identified were mapped out and compared among each of them in order to measure interurban inequality. In the habitability dimension, two aspects were evaluated: housing standard and access to property. It was observed that there are not significant intraurban inequalities in the dimension habitability. The second dimension was sanitation, with emphasis on three subdimensions: water supply, sewage system and garbage. In this topic the greatest intraurban inequality is related to the sewage system, along with the garbage collection and water supply. In the dimension of education, two subdimensions were approached: literacy of population by age group and schooling of the responsible for the houses. Intraurban inequalities did not reveal great discrepancies in relation to the educational indices among the four clusters in the city, except for the subdimension schooling of the responsible for the house with 15 years of study, mostly, when compared to the northern and southern areas of the urban space. The dimension guarantors income was the topic which revealed the greatest intraurban discrepancy in relation to the other dimensions evaluated and among clusters. Through intraurban system of indices proposed to São Luís, it was concluded that the urban space is not equal either in social affairs or in environmental affairs. The inner differences in the city were revealed and represented in chart, was used for mapping, the program ArcGIS version 9.3.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2010-10-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.