• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2009.tde-02022011-101653
Documento
Autor
Nome completo
Cleire Lima da Costa Falcão
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2009
Orientador
Banca examinadora
Galvani, Emerson (Presidente)
Luchiari, Ailton
Oliveira, Regina Célia de
Rodrigues, Silvio Carlos
Ross, Jurandyr Luciano Sanches
Título em português
A dinâmica erosiva do escoamento pluvial em área de depressão sertaneja e de maciço residual no semi-árido cearense
Palavras-chave em português
Análise sistêmica
Carreamento de sedimentos
Cobertura vegetal
Erosão
Solos
Resumo em português
O presente trabalho está baseado na perspectiva sistêmica. Buscamos a compreensão de que os componentes e os fenômenos naturais se integram, efetuando troca de matéria e energia. Nesta perspectiva, a área de estudo tem como espaço de análise a bacia hidrográfica do rio Acaraú(CE), onde foram considerados os aspectos históricos e culturais, percebendo-se inter-relações importantes com os aspectos físicos: cobertura vegetal, clima, hidrografia, solos, geologia e geomorfologia. Objetivamos avaliar a estimativa da produção de sedimentos em duas sub-bacias, em diferentes cenários de uso da terra, na dinâmica erosiva do escoamento superficial pluvial, nas margens do canal fluvial, em duas áreas de unidade geomorfológica denominada maciço residual em um Argissolo e depressão sertaneja em Luvissolos crônicos. A escolha por bacias de drenagem parte do pressuposto de que estas representam uma unidade espacial onde os diferentes elementos encontram-se integrados e em equilíbrio. Consideramos o fato de que as maiores taxas erosivas são encontradas nas áreas onde a agricultura se dedica às culturas temporárias de ciclo anual, pois acreditamos que para o controle da erosão precisamos evitar que a água adquira velocidade no seu percurso de escoamento superficial, pois a intensidade erosiva varia de acordo com as diferentes taxas de cobertura no solo. Para estimar o carreamento de sedimentos provenientes do escoamento superficial pluvial, a partir de diversos tipos de manejo agrícola da região, procuramos reproduzir um cenário para as duas sub-bacias. As três parcelas experimentais foram montadas, de forma que pudéssemos representar a realidade do pequeno agricultor, em função do preparo das terras para a cultura de subsistência nas margens do terraço fluvial, onde o solo fica desprotegido de vegetação, logo no inicio das primeiras chuvas. Durante dois anos de monitoramento, o escoamento superficial foi dirigido às calhas e aos tanques de sedimentação. As parcelas foram instaladas no topo do terraço fluvial, no sentido de declive, na margem direita de cada sub-bacia, sendo três na área 1 Maciço Argissolos (A,B,C) e três na área 2 Depressão Luvissolos (D,E,F), sob a cobertura vegetal, com área útil de 1.725,00m2, sendo: 50 metros de largura por 10m de comprimento as parcelas A e D; 50m de largura por 11,5 de comprimento, as parcelas B e E; 50m de largura por 13m de comprimento, as parcelas C e F. Foi possível observar a influência da cobertura vegetal no carreamento de sedimentos. Os cenários geraram diferentes padrões espaciais de produção de sedimentos. Uma redução de 83% para a parcela com 3m e 92% para a parcela com 1,5m de mata em relação a parcela s/v. Pôde-se observar que o aumento da cobertura do solo diminui drasticamente o transporte de sedimentos carreados. Estes resultados evidenciam a necessidade de estudos para identificação das áreas onde é necessária a implementação das práticas de manejo do uso do solo para o controle dos processos erosivos e não somente práticas de proteção aos cursos dágua por meio da cobertura do solo.
Título em inglês
The erosive dynamics of the storm water runoff in an area of depression and residual mass in semi-arid region of Ceará
Palavras-chave em inglês
Erosion
Sistemic analysis
Soils
Taking of sediments
Vegetation covering
Resumo em inglês
The present work based on this perspective sistemic looking for the understanding that the components and natural fit into making an exchange of matter and energy in this perspective, the area of study is to examine the area of the river basin hidrography and Acaraú(Ce), which had been considered the historical and cultural aspects, realize, it is important inter-relationships with the physical aspects: Vegetation cover, climate, hydrography, Soils, geology and evaluate the Stimate geomorphology. The method the product of sediments into two Sub-basin in different scenaries of land use, dynamics of erosive runoff rain on the banks of the River canal in two areas of geomophology unit called in a solid Residual mass and Sertaneja in luvisoils chronic depression. The choice for draining basins based on the assumption they are present an espatial unit where the different elements are integrate into balance. Consider and the fact that the highest rastes are found in erosive areas where agriculture was dedicated crops temporary cycle Annual therefore believe that for the control of erosion need to prevent water becomes fast on their way to runoff, because of erosive intensity varies according to different rates of coverage on the ground. To estimate the Corriement of sediment from the surface rain, for several types of agricultural management in the region, trying to play a scenary the two sub-basins as three the reality of small farmer, depending on the preparation of land for growing Subsistence banks of the river surface, where the soil is bare of vegetation as early as the beggining of the first rains. During two years of monitoring, the runoff was directed to the rails and Tanks of Sedimentation, as plots were installed on the top of the river terrace, to Slope on the right bank of each Sub-basin, three in the area massive Argilosoils 1 (A,B,C) and 3 in the Area 2 depression Luvisoils (D,E,F), under the canopy, with the usable area of 1.72500M, and 50M wide and 10M long, the plots A and D, 50 wide and 11,5M in tengh, parcels B and E, 50M wide and 13M in Lengh the parcels C and F. It was possible to observe an inluence of the vegetation covering into taking of sediments. The Scenaries created different Standards of production of sediments. One redution about 83% for parcel with 3M and 92 for parcel S/V. it can observe that highest of the Covering Soil stays small concretly the transport of sediments taken. These results evidence necessity of study for identification areas where is necessary with implementation of the practices of maneja useful of soil for the control process erosives and no only practices of protection to the courses of water by covering of the soil.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2011-02-02
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.