• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2014.tde-27032015-154413
Documento
Autor
Nome completo
Roberto Carlos Pignatari
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Mammi, Lorenzo (Presidente)
Ferreira Filho, Pedro Calixto
Novaes Filho, Moacyr Ayres
Título em português
A ascensão do conhecimento humano no De libero arbitrio de Agostinho de Hipona
Palavras-chave em português
Ascensão
Eternidade
Instante
Ser
Simultaneidade
Resumo em português
A pesquisa intenta verificar como se dá o itinerário de ascensão do conhecimento da verdade e das ciências, conforme a descrição apresentada no De libero arbítrio, com apoio nos paralelos constantes dos diálogos De ordine e De quantitate animae, compostos por Agostinho no período Cassicíaco-Roma (386-396 d.C). Tomando como referência a ascensão intelectual apresentada no livro II do De libero arbitrio, e tendo por base as noções de condução/guia e julgamento/instituição aplicadas à razão, verificamos como o itinerário da alma no conhecimento probatório da realidade divina apresenta, para além da escalada em subida hierarquizante do sensível até Deus, o conhecimento como o movimento de perfazimento da realidade conhecida em eternidade, dado que a razão assenta e está fundamentada na verdade eterna e imutável, e todo ato cognitivo é por ela conduzido/orientado e adjudicado/instituído, o que, em última instância, equivale a afirmar que a eternidade se perfaz na realidade conhecida, precisamente no átimo temporal do instante em que se reconhece qualquer conhecimento como verdadeiro. Para tanto, trata-se de verificar como, em cada nível do conhecimento em ascensão, o passo seguinte está suposto - na verdade o contém e perfaz, fundamentando-o - no anterior, de maneira que a etapa posterior, necessária e permanentemente, ratifica e adjudica a etapa anterior. E, assim como o instante, ao instituir a totalidade temporal, é figuração da eternidade2, o conhecimento em ascensão perfaz e figura a absolutidade na veracidade, através da percepção imediata e perenemente simultânea ao seu perfazimento da totalidade da ordenação harmoniosa e universal dos seres (De ordine); da funcionalidade do ato imaginativo presente na simultaneidade verificada entre as percepções sensível/concreta e interior/espiritual (De quantitate animae); bem como nos sobreditos atos de condução e julgamento efetuados no perfazimento do conhecimento universal (De líbero arbitrio)
Título em inglês
The ascension of human knowledge in the Augustin of Hippos De libero arbitrio
Palavras-chave em inglês
Ascension
Being
Eternity
Instant
Simultanity
Resumo em inglês
This dissertation intends see the occurrence of the itinerary of souls ascension in the knowledge of truth and science, according to the description given in De libero arbitrio, with suport in the parallels lectures presents in the dialogues De ordine and De quantitate animae, composed in the Augustines Cassissiacum - Rome period (386-396 AD). Referring to intelectual ascension exposted in Book II of De libero arbitrio, and based on the notions of driving/guide and judgment/institution, in the rational way, we verified like the itinerary of the soul in probatory knowledge of divine reality shows, in addition to climbing "hierarchical elevation" of a sensibility to God, the knowledge of how the movement of factoring of reality known in eternity, as the reason rests and is founded on the eternal and unchangeable truth, and every cognitive act is driven/oriented and award/established by reason, which, ultimately, is equivalent to saying that eternity is known totals in this reality, precisely in the temporal instant that one recognizes any knowledge as true. For this purpose, it is to see how, at each level of knowledge on the rise, the next step is supposed to - actually contains and makes up reasons it - the previous, so that the subsequent necessary step and permanently, ratifies and awards the previous step. And just like the instant, by introducing the temporal totality, is like a previous or figuration of eternity, also knowledge and totals rising figure the absoluteness truthfulness through the immediate perception - and its perennially simultaneous factoring - the totality of universal and harmonious ordering of beings (De ordine); the functionality of the imaginative act in this concomitance observed between sensitives perceptions and interiority (De quantitate animae); as well as the aforesaid acts of conduct and judgment made in making of universal knowledge (De libero abitrio)
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-03-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.