• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2014.tde-31032015-105012
Documento
Autor
Nome completo
Carlos Freire da Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Telles, Vera da Silva (Presidente)
Comin, Alvaro Augusto
Guimaraes, Nadya Araujo
Lima, Jacob Carlos
Rabossi, Fernando
Título em português
Das calçadas às galerias: mercados populares do centro de São Paulo
Palavras-chave em português
Empreendedorismo
Globalização por baixo
Informalidade
Mercados populares
Migrações
Resumo em português
Esta pesquisa discute as transformações que vêm ocorrendo nos tradicionais mercados populares do centro de São Paulo (Brás, 25 de Março e Santa Ifigênia), a partir das chamadas galerias e feiras da madrugada. Atualmente, milhares de revendedores, vindos da periferia da cidade, da região metropolitana, do interior do Estado e também de outros estados, direcionam-se a estas regiões em busca de oportunidades de negócios. Além de brasileiros, encontram-se, nesses espaços, bolivianos, chineses, paraguaios, peruanos, libaneses, angolanos, entre outros, atuando seja na distribuição de uma produção local, seja como importadores ou, ainda, como compradores que visam revender as mercadorias em seus países de origem de modo que esses locais passaram a dialogar de outra maneira com a economia urbana da cidade. As formas de controle e fiscalização que incidem sobre estes espaços também se alteraram, tanto por meio das políticas de formalização de certas práticas, que são toleradas e até incentivadas, como através do recrudescimento da repressão policial, que em determinados comportamentos e práticas passam a ser combatidos e reprimidos. A pesquisa procurou problematizar os agenciamentos locais que se constituem em torno do desenvolvimento desses mercados populares, as formas de regulação, práticas de controle e fiscalização de diferentes agentes estatais e a dinâmica dos atores localmente situados. Trata-se de problematizar tais agenciamentos, como eles se formam no entrecruzamento de circuitos de mercadorias de diferentes procedências, quais são as mediações em jogo e de que maneira eles se conectam com as novas formas de gestão da produção e estratégias de circulação e distribuição comercial
Título em inglês
From the streets to the indoor markets: São Paulos popular trade areas
Palavras-chave em inglês
Entrepreneurship
Globalization from below
Informality
Migrations
Popular markets
Resumo em inglês
This research proposes a discussion on the transformations that have been taking place at the popular tradicional markets in São Paulo downtown, which are: Brás, 25 de março e Santa Ifigênia, through the so called galleries and late-night-early-morning faires. Nowadays, thousands of resellers, coming from the peripheral areas of town, from the metropolitan region, from inter-state and from other states, go into those areas searching for trade oportunities. Besides Brazilian people, these areas receive people from Bolivia, China, Paraguay, Peru, Leban, Angola, among others, who act as distribuitors of local produce, importers of products and buyers who aim at reselling the goods in their original countries. This way, these places have started a different dialogue with the urban economy of the city. The control and fiscalization applied to these spaces have also changed, not only through the policies of formalization of certain practices that are tolerated, and even incentivated, but also through the recrudescence of the police repression, in which certain behaviors and practices have begun to be fought against and repressed. This study made an attempt to problematize the local assemblages that constitute themselves around the development of these popular markets, amidst regulation ways, practices of control and fiscalization done by different state agents, and the dynamics of the locally placed actors. It is about problematizing these assemblages, the ways in which they are formed in the intersection of goods circuits coming from different origins, which the mediations in play are and in which way they are connected with the new management forms and strategies of commercial circulation and distribuition
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-03-31
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.