• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.75.2014.tde-09012015-143750
Documento
Autor
Nome completo
Guilherme Muniz Miziara
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2014
Orientador
Banca examinadora
Carrilho, Emanuel (Presidente)
Borges, Júlio César
Santos, Lucilene Delazari dos
Título em português
Extração de proteínas a partir de tecido fixado em formaldeído e embebido em parafina para análise proteômica
Palavras-chave em português
câncer colorretal
FFPE
proteômica
SDS-PAGE
Resumo em português
O câncer colorretal (CCR) é a segunda de causa morte relacionada ao câncer, com aproximadamente 500.000 mortes por ano em países desenvolvidos. Os pacientes com doença localmente avançada ou metastática possuem um prognóstico ruim e, desta forma, a detecção precoce é necessária para reduzir a alta mortalidade associada à essa doença. Ainda, os métodos de rastreamento utilizados no momento apresentam boa exatidão, porém são de alto custo, consomem muito tempo e são incômodos para os pacientes. A colonoscopia é o método mais comumente utilizado para a detecção de CCR. Entretanto, apresentam duas limitações importantes: i) necessidade da luz intestinal estar limpa, sem resíduos fecais, o que só é conseguido após um preparo rigoroso, com dieta e laxativos, nos dias que antecedem a realização do exame, e, ii) é examinador-dependente, ou seja, dependem da experiência do profissional em localizar as alterações anatômicas, e ainda da habilidade em selecionar o melhor local para a realização da biópsia. Portanto, o desenvolvimento de um método rápido e sensível para o diagnóstico do câncer colorretal é extremamente importante.
A proposta desta dissertação foi desenvolver um método eficaz para o preparo dos tecidos parafinizados e extração de proteínas para experimentos em eletroforese bidimensional (2DE). Tecidos fixados em formaldeído e embebidos em parafina apresentam como vantagens a preservação da qualidade morfológica, abundância e facilidade de armazenamento, o que permite estudos futuros. Entretanto, para análises proteômicas, a recuperação do material biológico é ineficiente. A partir deste estudo, 156 proteínas foram obtidas de tecidos parafinizados, sendo possível identificar por espectrometria de massas, levando a estudos posteriores para identificação de possíveis biomarcadores relacionados ao CCR.
Título em inglês
Protein extraction from formalin-fixed and paraffin-embedded tissues for proteomic analysis
Palavras-chave em inglês
colorectal cancer
FFPE
proteomics
SDS-PAGE
Resumo em inglês
Colorectal cancer (CRC) is the second cause of cancer-related death, with approximately 500,000 deaths per year in developed countries. Patients with locally advanced or metastatic disease have a poor prognosis and, thus, early detection is needed to reduce the high mortality associated with this disease. Yet, the screening methods used at the time have good accuracy, but are expensive, time consuming and are uncomfortable for patients. Colonoscopy is the most commonly used method for the detection of CRC. However, present two major limitations: i) the need to be clean intestinal lumen without fecal waste, which is achieved only after rigorous preparation with laxatives and diet, in the days before the exam, and ii) it is examiner-dependent, i.e., depends on the professional's experience in locating anatomical changes, and even the ability to select the best site for biopsy. Therefore, the development of a rapid and sensitive method for the diagnosis of colorectal cancer is extremely important. The purpose of this dissertation was to develop an effective method for the preparation of tissues and protein extraction experiments for two-dimensional electrophoresis (2DE). Tissues fixed in formaldehyde and embedded in paraffin have the advantage of preserving the morphological quality, abundance and storage facility, which allows for further studies. However, for proteomic analysis, the recovery of biological material is inefficient. From this study, 156 proteins were obtained from paraffinized tissues, and can be identified by mass spectrometry, leading to further studies to identify potential biomarkers related to CCR.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-05-15
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.