• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.74.2013.tde-08042013-111211
Documento
Autor
Nome completo
Diego Lobon Jimenez Filho
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Pirassununga, 2013
Orientador
Banca examinadora
Titto, Evaldo Antônio Lencioni (Presidente)
Chiquitelli Neto, Marcos
Silva, Luciano Andrade
Título em português
Reatividade, temperatura corporal e taxa de concepção em fêmeas da raça Nelore submetidas à inseminação artificial em tempo fixo
Palavras-chave em português
Bovinos
IATF
ITGU
Reprodução animal
Velocidade de fuga
Resumo em português
O objetivo deste estudo foi avaliar as respostas comportamentais e fisiológicas, em novilhas e vacas Nelore, submetidas à protocolo de inseminação artificial em tempo fixo (IATF) de três manejos. Foram utilizadas 426 fêmeas bovinas nulíparas, primíparas e multíparas, com 30 à 90 dias de período pós-parto. O estudo decorreu entre os meses de novembro de 2011 e março de 2012, durante a estação reprodutiva. As variáveis registradas foram: velocidade de fuga (VS) em metros por segundo (m/s) e através de escores; escore de movimentação, respiração, coices e mugidos, no brete de contenção, para determinação do escore composto de reatividade (ECR); temperatura do ar, umidade do ar e temperatura do globo negro à sombra, para cálculo do índice de temperatura de globo negro e umidade (ITGU); escore de condição corporal (ECC); temperatura retal (TR); e diagnóstico de gestação (DG). O ECC, escore de VS e ECR foram analisados por testes não paramétricos. Os dados de ITGU, VS em m/s-1, TR e DG, foram submetidos à análise de variância e teste de Tukey. Correlação de Pearson foi empregada entre VS em m/s-1 e VS por escore e a correlação de Spearman para escore de VS e ECR. As médias de ITGU foram maiores para o período da tarde (P<0,05). Não houve diferença entre os três dias de manejo para VS em m/s-1 ou em escore (P>0,05). No segundo e terceiro manejo, houve alta correlação entre VS em m/s-1 e em escore (P<0,0001). Houve aumento do ECR do primeiro para o segundo dia de manejo, com estabilização do segundo para o terceiro (P<0,05). Novilhas foram mais reativas que as vacas no dia da inseminação artificial (P<0,0001). O ITGU influenciou na reatividade, sendo que, quanto maior o ITGU, maior foi o ECR (P<0,05). Também houve correlação positiva entre escore de VS e ECR (P<0,003). Novilhas apresentaram melhor ECC que as vacas (P<0,0012). O ITGU também influenciou a TR (P<0,01). Quanto maior o ITGU maior foi a TR dos animais. Novilhas apresentaram maiores TR que as vacas (P<0,01). O ECR não teve efeito sobre a TR (P=0,5550). Não houve efeito dos lotes, categoria animal, ECC, ITGU, TR, ECR e VS em escore, sobre a taxa de concepção de vacas e novilhas. Conclui-se que a reatividade pode ser influenciada pelo manejo, idade do animal e pelo conforto térmico. Nas condições que este experimento foi realizado, a taxa de concepção não foi influenciada pela condição corporal, ITGU no momento da inseminação artificial, reatividade e nem pelo escore de velocidade de fuga.
Título em inglês
Reactivity, body temperature and rate conception in Nellore females submitted to fixed-time artificial insemination
Palavras-chave em inglês
Animal reproduction
BGHI
Cattle
Flight speed
FTAI
Resumo em inglês
The objective of the present study was to assess the behavioral and physiological responses in Nellore heifers and cows submited to fixed time artificial insemination (FTAI) of three handling. We used a total of 426 cows and heifers nulliparous, primiparous and multiparous, 30 to 90 days postpartum. The study occurred between the months of November 2011 and March 2012, during the breeding season. The variables recorded were: exit velocity (EV) in meters per second (m/s-1) and by scores: movements, respiratory rate, kicking and mooing in squeeze chute, to determine the reactivity score (RS), air temperature, air humidity and black globe temperature in the shade, to calculate the index of black globe temperature and humidity (BGHI), body condition score (BCS), rectal temperature (RT), and pregnancy diagnosis (PD). The BCS, EV score and RS were analyzed by nonparametric tests. Data from BGHI, EV m/s-1, RT and PD were subjected to analysis of variance and Tukey test. Pearson correlation was used between EV m/s-1 and score of EV and the Spearman correlation was used for EV and RS. The average of BGHI were higher for the afternoon (P<0.05). There was no difference between the three-day handling for EV in m/s-1 or score (P>0.05). In the second and third handling, there was a high correlation between EV in m/s-1 and score (P<0.0001). An increase of the RS from the first to the second day of handling, stabilizing the second to the third (P<0.05). Heifers were more reactive than cows on the day of artificial insemination (P<0.0001). The BGHI influence the reactivity, and the greater the BGHI, the higher the RS (P<0.05). There was also a positive correlation between EV and reactivity score (P<0.003). Heifers had better BCS cows (P<0.0012). The BGHI also influenced RT (P<0.01). The largest BGHI, causes increases in RT of the animals. Heifers had higher RT than cows (P<0.01). The RS had no effect on the RT (P=0.5550). No effect of lots, animal category, BCS, BGHI, RT, RS and EV in score on the conception rate of cows and heifers. It is concluded that the reactivity can be influenced by handling, age and the thermal comfort. Under the conditions that this experiment was conducted, the conception rate was not influenced by body condition, BGHI at the time of artificial insemination, reactivity and score of exit velocity.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
ME6177822COR.pdf (1.14 Mbytes)
Data de Publicação
2013-04-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.