• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.71.2009.tde-29072009-145147
Documento
Autor
Nome completo
Fernando Walter da Silva Costa
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2009
Orientador
Banca examinadora
Neves, Eduardo Goes (Presidente)
Alves, Marcia Angelina
Blasis, Paulo Antonio Dantas de
Lima, Helena Pinto
Teixeira, Wenceslau Geraldes
Título em português
Arqueologia das campinaranas do baixo rio Negro: em busca dos pré-ceramistas nos areais da Amazônia Central
Palavras-chave em português
Amazônia
Campinarana
Lítico
Pré-cerâmico
Rio Negro
Resumo em português
Na Amazônia Central achava-se que a ocupação pré-colonial resumia-se ao período dos agricultores ceramistas. Essa realidade resultava da inexistência de evidências arqueológicas de populações com economia baseada na caça, na coleta e no processamento de recursos líticos. E começou a se modificar a partir de outubro de 2001, quando o sitio Dona Stella foi localizado. Desde então, com a intensificação das escavações verificou-se que esse sítio possui uma indústria lítica diversificada, incluindo lâminas bifaciais, pontas-de-projétil e datações entre 9.460 e 4.500 AP. As prospecções mostraram que os locais ideais para encontrarmos tais evidências são as áreas de campinaranas, próximas a igarapés pertencentes à bacia do rio Negro, onde ocorram afloramentos de arenito-silicificado. Esse modelo foi testado com sucesso em Iranduba e Manaus, onde identificamos mais de vinte sítios pré-cerâmicos em areais. Ocorre que a totalidade desses sítios encontra-se parcial ou totalmente destruída e em nenhum deles encontrou-se uma indústria lítica que seja comparável tanto em densidade, quanto em variabilidade tecnológica à do sítio Dona Stella, que, por enquanto é um caso único na Amazônia Central.
Título em inglês
Archaeology in the campinaranas of the lower rio Negro: the search of pre-ceramists ins the sand pits from Central Amazon
Palavras-chave em inglês
Campinarana
Central Amazon
Lithic
Pre-ceramic
Rio Negro
Resumo em inglês
Until recently it was believed that the pre-colonial occupation of the Central Amazon region could be reduced to the period of the ceramic producing horticulturalists. This reality resulted from the absence of archaeological evidence for (the more ancient) societies with an economy based on hunting, gathering and processing of lithic resources. This panorama began to change October 2001 when the Dona Stella site was found. The excavations here showed a diversified lithic industry, including bifaces, projectile points and dates between 9460 and 4500 AP. The surveys in the region since then demonstrated that the best places to find evidence of hunter-gatherers were the sand-rich areas of the campinaranas, where outcrops of silicified sandstone occur, and that can be found near the streams belonging to the rio Negro basin. This model has been tested successfully in the municipalities of Iranduba and Manaus, helping identify more than twenty pre-ceramic sites in similar contexts. On the other hand, these sites are partially or completely destroyed and none of them has a lithic industry that is comparable, both in density and technological variability, with the first one found, the Dona Stella site, which, for now, is a unique case in Central Amazon.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Tese_Costa_F.pdf (8.98 Mbytes)
Data de Publicação
2009-08-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.