• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.7.2011.tde-10022012-145910
Documento
Autor
Nome completo
Jerusa Gomes Vasconcellos Haddad
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Zoboli, Elma Lourdes Campos Pavone (Presidente)
Sá, Ana Cristina de
Silva, Maria Julia Paes da
Título em português
Aspectos da comunicação terapêutica na interação da enfermeira com o usuário na atenção básica: um estudo na rede do município de Itajubá
Palavras-chave em português
Assistência à saúde
Atenção à saúde
Comunicação
Cuidados primários de saúde
Ética da enfermagem
Promoção da saúde
Resumo em português
Trata-se de um estudo transversal, de natureza compreensiva que objetivou compreender os aspectos comunicacionais da interação enfermeiro-usuário na atenção básica, com a finalidade de discuti-los a partir do referencial da comunicação terapêutica, distinguindo seus elementos na prática do enfermeiro neste nível de atenção. Para a coleta de dados, utilizou-se um roteiro elaborado para a observação da comunicação terapêutica nos atendimentos de enfermagem. Para triar as unidades que seriam observadas, aplicou-se o Inventário de Problemas Éticos na Atenção Básica (IPE-APS). Foram incluídas as unidades onde as enfermeiras reconheceram mais (E1) e menos (E3) problemas éticos no domínio da relação com o usuário. Como um tipo de controle, foi incluída a unidade (E2) onde a enfermeira percebeu um equilíbrio em relação ao número e frequência dos problemas. Foram observados dois atendimentos em cada unidade. Após os atendimentos, as enfermeiras responderam a uma pergunta aberta. O estudo permitiu concluir que em E3 a enfermeira manteve uma tendência à comunicação terapêutica e a enfermeira em E2 distanciou-se dela. A enfermeira em E1 aproximou-se da comunicação terapêutica em um atendimento e no outro se distanciou dela. Os resultados mostram que as enfermeiras entrevistadas não pensam e não percebem, na sua prática, como a comunicação com o usuário ocorre e acreditam que a comunicação é algo que ocorre naturalmente, no entanto, reconhecem a importância da comunicação na relação enfermeiro-usuário na atenção básica. E ainda, que a comunicação não requer técnica ou fundamentação científica, porém reconhece suas limitações.
Título em inglês
Aspects of therapeutic communication in nurse's interaction with the user in the basic care: a study on the network of the city of Itajubá
Palavras-chave em inglês
Communication
Ethics of nursing
Health assistance
Health care
Health promotion
Primary health care
Resumo em inglês
This is a comprehensive study which aimed to understand communicational aspects of patient-nurse relationship and to identify the elements of therapeutic communication in primary care nursing practice. We used structured observation and semi-structured interviews for collecting data. To select the services and the nurses for observation, we applied an inventory of ethical problems in primary care (IPE-APS) and included those with more (E1) and less (E3) ethical issues. As control we included a service whit an equilibrium in the results of IPE-APS (E2). For each nurse included, we observed the communication into two nursing care actions. After observation, we asked the nurses their opinion about the communication in the action they had just performed. The results pointed out that E3-nurse kept a tendency for a therapeutic communication and E2-nurse was the most distant of it. E1-nurse was nearer of therapeutic communication in one of the actions and distant in the other. The nurses do not realize the actual importance of communication in their daily practice and believe that, as it is part of human relations, it occurs naturally. They affirm that communication does not require technical or scientific basis. The study concluded that it is necessary to do have education actions on communication in primary care nursing.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-02-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.