• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.7.1997.tde-04062003-124644
Documento
Autor
Nome completo
Ana Luisa Aranha e Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1997
Orientador
Banca examinadora
Fonseca, Rosa Maria Godoy Serpa da (Presidente)
Barros, Sonia
Pitta, Ana Maria Fernandes
Título em português
O Projeto Copiadora do CAPS: do trabalho de reproduzir coisas à produção de vida
Palavras-chave em português
Equipe interdisciplinar
Reabilitação Psicossocial
Reforma psiquiátrica
Saúde Mental
Resumo em português
A preocupação com a necessidade manifesta de inclusão no processo de produção da vida material por intermédio do trabalho, de uma parcela da população usuária de serviço de saúde mental, deu origem a este estudo. O cenário é o Centro de Atençao Psicossocial Prof. Luiz da Rocha Cerqueira (CAPS), estrutura de atenção à saúde mental substitutiva ao modelo hospitalocêntrico, que opera um projeto terapêutico construído de forma coletiva, a partir das necessidades dos usuários (indivíduos e famílias). Para a apreensão do significado do trabalho e do exercício de trabalhar utilizou-se o referencial do materialismo histórico e dialético, fundamentado no conceito de reabilitação psicossocial e se fez por intermédio da análise dos discursos dos usuários. Pretendeu-se compreender o significado da atividade produtiva do usuário-trabalhador vinculado a um dos Projetos Especiais desenvolvidos no CAPS - a copiadora - como instrumento de intervenção no seu poder de contratualidade social, aqui entendido como uma ampliação da sua capacidade de autonomia e emancipação. A finalidade é ser mais uma peça na construção do arsenal desse modelo de assistência à saúde mental, particularmente no que concerne à reconstrução da prática de enfermagem numa perspectiva transformadora em ralação à forma tradicional de mantenedora da ordem institucional. Os resultados indicam que os usuários possuem representações contraditórias acerca de algumas categorias empíricas, porém, de um modo geral, evidenciam a compreensão do trabalho como um instrumento que lhes possibilita acessar o campo dos direitos sociais. Essa outra condição dos sujeitos pode ser observada pelas mudanças internas e externas que experimentam, além de indicar um movimento de superação da condição anterior de usuário-trabalhador (doente que trabalha) para a de trabalhador-usuário (sujeito doente que pode trabalhar).
Título em inglês
Photocopier Project by CAPS: from work to reproduce thinks as a live production.
Palavras-chave em inglês
mental health nursing
psychiatric reform
psychosocial reabilitation
public health nursing
Resumo em inglês
This study was born out of the preoccupation with the necessity manifested by a portion of the population which uses the mental health service linked to the process of production of material life through work. The site was the Prof. Luiz da Rocha Cerqueira Center for Psycho-Social Care (CAPS), which operates a therapeutic project assembled in a collective format, based on the needs of the users (individuals and families), structured to offer mental health care in lieu fo a hospital centered setting. Th intention was to understand the significance and practice of work using historic and dialetic materialism as a reference, based upon the concepts of psycosocial reabilitation and was performed throug the analysis of users' discourses. The goal was to aspire to understand the significance of user-worker production activity linked to one of the Special Projects developed by CAPS - The Photocopier - as an intervention instrument within the framwork of the social contract, thath is understood as an amplification of one capacity for autonomy and emancipation. The final objective is being an additional piece in the construction of an arsenal of mental health assistence's models, particulary when it concerns the reconstruction of the practice of nursing as a transforming perspective in relation to the tradition form of maintaining institutional order. The results indicate that users have contradictory representations in regard to somo empirical categories, nevertheless, in general manner, there's evidence of comprehension of work as an instrument that enables them access to social rights. This can be observed by internal and external changes experimented and besides by a movement of overcoming the previous condition of user/worker (patient who works) to worker/user (patient able to work).
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Analuisa.pdf (674.42 Kbytes)
Data de Publicação
2003-09-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.