• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.7.2003.tde-25112004-135231
Documento
Autor
Nome completo
Ana Luisa Aranha e Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2003
Orientador
Banca examinadora
Fonseca, Rosa Maria Godoy Serpa da (Presidente)
Ayres, Jose Ricardo de Carvalho Mesquita
Barros, Regina Duarte Benevides de
Barros, Sonia
Peduzzi, Marina
Título em português
Enfermagem em saúde mental: a ação e o trabalho de agentes de enfermagem de nível médio no campo psicossocial.
Palavras-chave em português
campo psicossocial
desinstitucionalização
Enfermagem em saúde mental
oficina de trabalho
Resumo em português
Este estudo elegeu para objeto de investigação o fazer, o saber e o saber-fazer de quinze agentes de enfermagem de nível médio que desenvolvem atividades assistenciais no Centro de Atenção Psicossocial II Prof. Luís da Rocha Cerqueira, sede do Programa de Integração Docente Assistencial em Saúde Mental da Secretaria de Estado da Saúde e Universidade de São Paulo. A escolha das agentes deu-se mediante a crença de que o grupo protagoniza a ação e o trabalho da enfermagem em saúde mental no campo psicossocial porque é quem prevalentemente oferece ação de saúde mental no cenário de estudo. Esta pesquisa utilizou a Oficina de Trabalho como procedimento metodológico para a captação, análise e reconstrução do fazer e do saber das agentes de enfermagem. A construção compartilhada do conhecimento indicou duas dimensões da produção de produtos de saúde. Na primeira dimensão as agentes de enfermagem de nível médio produzem e oferecem ação de saúde mental mediatizada pelo fazer impregnado de saber alinhado ao campo psicossocial do coletivo institucional e compartilham a autoria da ação de forma subalternizada ao agente com formação de nível superior. A segunda dimensão do fazer agrega significado à ação de saúde e permite a apropriação da autoria da produção de produtos de saúde, configurando o trabalho da enfermagem: o cuidado em si de enfermagem em saúde mental. Os resultados indicam ainda uma prevalência de produção e oferta de produtos de saúde que atinge o usuário individual, no interior da instituição, indicando a necessidade institucional de buscar aprofundamento e coerência aos pressupostos do campo psicossocial no que tange à articulação do serviço com o território, à inclusão de ação de saúde para familiares e à ampliação da produção de produtos na esfera da vertente crítica da reabilitação psicossocial. A Oficina de Trabalho revela-se um instrumento potente para a particular aquisição de consciência crítica quando amplia o repertório teórico das pesquisadas, eleva o relato de experiência para o patamar do saber construído coletivamente e promove a mudança objetiva da posição das agentes de enfermagem no cenário do poder institucional.
Título em inglês
Nursing in mental health: the action and work of medium level nursing agents in the psychosocial field.
Palavras-chave em inglês
deinstitutionalization
Nursing in mental health
psychosocial field
Work Shop
Resumo em inglês
The object of this study was the to do, the knowledge and the how to do of the fifteen medium level nursing agents who perform assistance activities in the Center of Psychosocial Attention II, Prof. Luis da Rocha Cerqueira, home office of the Program of Academic Assistance Integration in Mental Health of the State Health Secretary and University of São Paulo. The agent choice was performed according to the belief that the group performs the action and the nursing work in mental health in the psychosocial field because this is the individual who predominantly offers action in mental health in the study environment. This research used the Work Shop as a methodological procedure to achieve, analyze and reconstruct the to do and the knowledge of the nursing agents. The shared construction of the knowledge showed two dimensions to produce health products. In the first dimension, the medium-level nursing agents produce and offer intermediated mental health action by the do impregnate of knowledge aligned to the psychosocial field of the institutional collective and share the authorship in a subordinated way to the academic agent. The second dimension of the to do adds meaning to health action and allows the appropriation of the authorship of the production of health products, determining the nursing work: the care itself of nursing in mental health. The results showed a prevalence of production and offering of health products which reaches the individual user, within the institution thus indicating the institutional need of search for deepening and coherence of purposes in the psychosocial field regarding articulation of the service with the territory, inclusion of action of health action for relatives and to expand the production of products in the critical sphere of the psychosocial rehabilitation. The Workshop showed to be a strong instrument to specifically acquire critical consciousness when expanding the theoretical repertory of the investigated, raising the experience report up to the level of the knowledge collectively constructed and to promoting an objective change of the nursing agent’s position in the institutional power environment.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Ana_Aranha_tese.pdf (1.04 Mbytes)
Data de Publicação
2004-12-01
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.