• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.64.2017.tde-30112017-110215
Documento
Autor
Nome completo
Linânder de Lima Campos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2017
Orientador
Banca examinadora
Abdalla, Adibe Luiz (Presidente)
Costa, Ricardo Lopes Dias da
Silva Filho, José Cleto da
Título em português
Efeitos da suplementação com caroço de algodão sobre desempenho, metabolismo de nutrientes e qualidade da carne de ovinos
Palavras-chave em português
Caroço de algodão
Gossipol
Qualidade da carne
Ruminantes
Resumo em português
O presente trabalho teve como objetivo avaliar a dieta de ovinos a base de caroço de algodão sobre parâmetros de desempenho, metabolismo de nutrientes, emissão de metano e qualidade da carne, bem como o efeito acumulativo e sinais de toxicidade causados pela ingesta?o de concentraco?es elevadas de gossipol livre presente na dieta dos animais, garantindo a segurança alimentar. O experimento teve duração de 70 dias, com 16 animais machos deslanados, castrados, da raça Santa Inês, com massa corporal inicial de 44 ± 4,7 kg e idade me?dia de 18 ± 2 meses, divididos em Tratamento Controle (TC) e Tratamento com Caroço de Algodão (TCA). As dietas foram oferecidas diariamente em dois períodos, constituida por 40% de feno de Tifton (Cynodon spp) e 60% de concentrado (50 % milho moido e 50% de soja em grão, e 100% de caroço de algiodão integral, respectivamente para TC e TCA), além da oferta de água e mistura mineral ad libitum. O exprerimento in vivo foi dividido em três períodos, ensaio de desempenho (10 dias de adaptação aos tratamentos e 45 de acompanhamento), ensaio de digestibilidade aparente (5 dias de adapatação e 5 dias de coletas) e ensaio de produção de metano entérico (2 dias de adaptação e 3 dias de coletas). Foram realizadas análises bromatológicas para caracterização dos componentes das dietas, sobras e excrementos, para inferir o consumo e ganho de peso dos animais; avaliação dos parâmetros ruminais de AGGC, ph, N-NH3 e Gossipol livre; e estimativa da produção microbiana, através dos derivados de purinas. Decorridos os 70 dias, os animais permaneceram em jejum de sólidos (16h), em seguida foram abatidos e as carcaças avaliadas. Foram determinados os parâmetros fisíco-químico, de rendimento da carcaça, avalição centesimal, qualidade da carne e gossipol livre. A inclusão de 60% do caroço de algodão no concentrado proporcionou aumento na ingestão, na digestibilidade média de nutrientes e no metabolismo de nitrogênio; permitindo um ambiente propício às atividades dos microrganismos ruminais, evidenciado pelos parâmetros ruminais AGCC, ph e N-NH3 e produção CH4. No entanto, os animais apresentaram menor ganho de peso e rendimento em relação a dieta controle. Os critérios de qualidade da carcaça e na composic?a?o centesimal, não houve diferença. Tendo em conta a qualidade da carne de ovinos Santa Inês, sugere-se que a inclusão de até 60% da alimentação dos animais com caroço de algodão na substituição de milho e soja, no período de terminação, estaria seguro sem causar intoxicação ou alterações na carcaça e, portanto, sem riscos para a saúde humana; contribuindo assim para a produção de alimentos de forma sustentável e segura
Título em inglês
Effects of cottonseed supplementation on performance, nutrient metabolism and meat quality of sheep
Palavras-chave em inglês
Cottonseed
Gossypol
Meat quality
Ruminant
Resumo em inglês
The aim of this study was to evaluate sheep fed with whole cottonseed on performance parameters, nutrient metabolism, methane emission and meat quality, either the toxixity effect caused by the ingestion of high amount of free gossypol present in animals feed, ensuring food security. The experiment lasted 70 days, using 16 Santa Inês' sheep, with initial body mass of 44 ± 4,7 kg and mean age of 18 ± 2 months, distributed in Control Treatment (TC) and whole cottonseed Treatment (TCA). The feed were offered daily in two periods, consisting of 40% of Tifton hay (Cynodon spp) and 60% of concentrate (50% corn grains and 50% soybean meal, and 100% whole cottonseed, respectively for TC and TCA), also water and minerals were supplied ad libitum. The in vivo study was divided into three periods, performance assay (10 days of adaptation to treatments and 45 days of assay), apparent digestibility assay (5 days of adaptation and 5 days of assay) and enteric methane emissions (2 days of adaptation and 3 days of assay). Bromatological analyzes of feeds, leftovers and excrements were realized to characterize the components, and to determine consumption and weight gain of the animals; Evaluation of ruminal parameters of short chain faty acids (SCFA), pH, ammonia nitrogen (NH3-N) and free gossypol; also estimation of microbial production through the purine derivatives content in urine. After 70 days, the animals remained fasted (16h), then slaughtered and carcasses were evaluated. Physicochemical parameters, carcass yield, centesimal evaluation, meat quality and free gossypol were determined. The inclusion of 60% of whole cottonseed in the concentrate provided an increase in the intake, average digestibility of nutrients, also the nitrogen metabolism; allowing an environment conducive to the activities of ruminal microorganisms, evidenced by ruminal parameters SCFA, pH, NH3-N and CH4 production. However, the animals had lower weight gain in relation to the control diet. The criteria of carcass quality and centesimal composition did not differ between diets. The presence of free gossypol was not detected neither in meat nor in liver samples. Taking into account the quality of Santa Inês' meat, it is suggested that the inclusion up to 60% of whole cottonseed animals' feed, in the confinement termination period would be safe when in substitution of corn and soybeans, without causing intoxication or changes in the carcass, and therefore without risks to human health; contribuiting for the production of food in a secure, safety and sustainable way
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-12-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.