• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.60.2008.tde-02102008-162625
Documento
Autor
Nome completo
Carlos Alexandre Carollo
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2008
Orientador
Banca examinadora
Oliveira, Dioneia Camilo Rodrigues de (Presidente)
Gamboa, Ian Castro
Kato, Massuo Jorge
Pupo, Monica Tallarico
Siqueira, João Maximo de
Título em português
Análise fitoquímica e avalição dos efeitos dos tipos de adubação, da radiação solar e do estresse hídrico, no acúmulo de metabólitos secundários em espécies do gênero 'Mikania'
Palavras-chave em português
Fitoquímica
Metabólitos secundários
Mikania
Validação.
Resumo em português
Mikania é o maior gênero da tribo Eupatorieae, com cerca de 430 espécies, sendo amplamente distribuído no Brasil, com aproximadamente 200 espécies descritas. Dentro deste gênero, Mikania cordifolia, M. micrantha e M. glomerata são comumente chamadas de guaco e estão entre as espécies mais usadas popularmente, principalmente para o tratamento de febre, reumatismo, doenças do trato respiratório e contra picadas de cobra. No presente trabalho, foram realizados estudos fitoquímicos destas três espécies e foram analisados os efeitos dos tipos de adubação, da radiação solar e do estresse hídrico sobre a produção de metabólitos secundários. Primeiramente, através de estudos fitoquímicos, foram identificados 62 compostos. As frações polares das espécies apresentaram como compostos majoritários derivados fenilpropanóicos, destacando-se o Ácido 3,5-dicafeoilquínico em M. glomerata e M. micrantha e o Ácido Fertárico em M. cordifolia. Na espécie M. glomerata também foram identificados derivados do Ácido glucárico di e tri esterificados por ácidos caféicos, até o momento não descritos na literatura, além de flavonóides sulfatados, os quais também estão presentes em M. micrantha. Nas frações apolares foi verificada a presença de triterpenos, principalmente em M. cordifolia e derivados do Ácido Caurenóico em M. glomerata e M. micrantha. As lactonas sesquiterpênicas foram encontradas em M. cordifolia (esqueleto melampolido) e em M. micrantha (esqueleto micranolido). A análise dos cultivares de M. glomerata e M. cordifolia, revelou uma grande influência das condições de cultivo na composição dos metabólitos secundários. Os experimentos mostraram uma grande variação entre a concentração dos compostos presentes nas duas espécies de Mikania, sendo verificado que as condições de cultivo e principalmente as taxas de luminosidade são de extrema importância na acumulação desses metabólitos. O estresse hídrico não apontou efeitos significativos no acúmulo de substâncias em M. glomerata. As análises histoquímicas se mostraram eficazes na obtenção de informações a respeito da localização de compostos fenólicos nas folhas de M. glomerata.
Título em inglês
Phytochemical analysis and evaluation of the effects of the fertilization type, solar radiation and hydric stress, in accumulation of secondary metabolites in species of the gender Mikania.
Palavras-chave em inglês
Mikania
Phytochemistry
Secondary Metabolites
Validation.
Resumo em inglês
Mikania is the largest gender of the tribe Eupatorieae, with about 430 species, being distributed thoroughly in Brazil, with approximately 200 described species. In this gender, Mikania cordifolia, M. micrantha and M. glomerata are commonly called "guaco" and are among the more popularly used species, mainly for the treatment of fever, rheumatism, diseases of the breathing tract and against snake bites. In the present work, phytochemical studies of these three species were carried out and the effects of the fertilization types, the solar radiation and the hydric stress upon the production of secondary metabolites were analyzed. Firstly, through phytochemical studies, 62 compounds were identified. The polar fractions of the species presented as majority compounds phenylpropanoic derivatives: 3,5-Dicaffeoylquinic acid in M. glomerata and M. micrantha and Fertaric acid in M. cordifolia. In M. glomerata were also identified glucaric acid derivatives di- and tri-esterified with cafeic acids, which are no described in the literature until the moment, besides sulfated flavonoids, which are also present in M. micrantha. In the apolar fractions the triterpenes presence were verified mainly in M. cordifolia and kaurenoic acid derivatives in M. glomerata and M. micrantha. The sesquiterpene lactones were found in M. cordifolia (melampolide skeleton) and in M. micrantha (micranolide skeleton). The analysis of M. glomerata and M. cordifolia cultivars revealed a great influence of the cultivation conditions in the secondary metabolites composition. The experiments showed a great variation among the concentration of the compounds in the two species of Mikania, being verified that the cultivation conditions and mainly the taxes of solar radiation are of extreme importance in the accumulation of these metabolites. The hydric stress didnt have significant effects in the accumulation of substances in M. glomerata. The histochemical analyses were effective in supply information regarding location of phenolic compounds in the leaves of M. glomerata.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Resumida.pdf (440.44 Kbytes)
Data de Publicação
2008-12-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.