• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Carlos Augusto Fernandes de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1994
Orientador
Banca examinadora
Germano, Pedro Manuel Leal (Presidente)
Furlanetto, Sirdeia Maura Perrone
Nader Filho, Antonio
Panetta, José Cezar
Sabino, Myrna
Título em português
Aflatoxina M1 em leite em pó distribuído pelo Programa de Alimentação Escolar do Município de São Paulo, SP-Brasil: utilização do ensaio por enzimas imuno-adsorvidas (ELISA)
Palavras-chave em português
Aflatonxinas
Alimentação Escolar
Leite em Pó
Resumo em português
Aflatoxina M1 (AFM1) foi pesquisada em 300 amostras de leite em pó distribuído pelo Programa de Alimentação Escolar do Município de São Paulo, SP-Brasil. As análises foram efetuadas através do ensaio por enzimas imuno-adsorvidas (ELISA), mediante o emprego de conjuntos de reativos produzidos em escala comercial. As amostras foram reconstituídas em água a 1:8 e submetidas diretamente ao ensaio, sem etapas de purificação. Os resultados revelaram 72 amostras (24,0 por cento ) positivas para AFM1, em concentrações de O,01 - 1,00 ng/ml, com média de O,15 ng/ml. Concentrações acima de 0,10 ng/ml foram observadas em 33 amostras (11,0por cento ). O método de ELISA foi avaliado no laboratório, através da execuçao de análises repetidas em amostras de leite experimentalmente contaminado com a toxina. Para os níveis de 0,10; 0,20; 0,50 e 1,00 ng/ml, os percentuais de recuperação foram, respectivamente, 83,0por cento ; 87,5por cento ; 103,0por cento e 111,8por cento . O desvio padrão relativo, para as referidas concentrações foi, respectivamente, 65,5por cento ; 31,8por cento ; 10,9por cento e 13,6por cento (n = 10, para cada nível de contaminação). Utilizando-se os dados de consumo de leite, adotados pelo Programa, para crianças de 4 meses de idade (máxima ingestão), estimou-se a ingestão diária média de 3,7 ng de AFM1/kg de peso corpóreo/dia. Discute-se a importância destes dados para a saúde humana, bem como os principais aspectos relativos ao estabelecimento de limites de tolerância para a AFM1 em leite e derivados.
Título em inglês
Aflatoxin M 1 in milk powder distributed by the School Food Supply Program of são Paulo, SP-Brazil: utilization of the enzyme-linked immunosorbent assay (ELISA).
Palavras-chave em inglês
Aflatonxins
Powdered Milk
School Feeding
Resumo em inglês
Aflatoxin M1 (AFM1) was surveyed in 300 samples of milk powder distributed by the School Food Supply Program of São Paulo, SP-Brazil. The analysis were performed by commercially available test sistems of competitive enzyme-linked immunosorbent assay (ELISA). Samples were reconstituted in water (1:8) and submitted directly to the assay, without clean-up procedures. Results showed 72 (24.0per cent ) positive samples for AFM1 at levels of 0.01 - 1.00 ng/ml (mean: 0.15 ng/ml). Concentrations above 0.10 ng/ml were observed in-33 samples (11.0per cent ). The method performance was evaluated experimentally in the laboratory, through repeated analysis of milk samples spiked with the toxin. Recoveries of AFM1 added to milk at levels of 0.10, 0.20, 0.50 and 1.00 ng/ml were 83.0per cent , 87.5per cent , 103.0per cent and 111.8per cent , respectively. Relative standard deviations for the concentrations refered were 65.5per cent , 31.8per cent , 10.9per cent and 13.6per cent , respectively (n = 10, per spiking level). By using data on milk consumption patterns, adopted by the Program for children aging 4 months (highest intake), a mean daily intake of 3.7 ng of AFM1/kg body weight/day was estimated. The implications of these data on human health, as well as the approaches for the establishment of regulations for AFM1 in milk and milk products, are discussed.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-01-24
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.