• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Vilma Machado de Queiroz
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1987
Orientador
Banca examinadora
Nogueira, Diogo Pupo (Presidente)
Egry, Emiko Yoshikawa
Gomes, Jorge da Rocha
Guedes, Eloisa Aparecida
Mendes, Rene
Título em português
Curso de especialização para enfermeiros do trabalho: avaliação e proposta de reestruturação curricular
Palavras-chave em português
Curso de Especialização
Enfermagem do Trabalho
Resumo em português
O atual Curr(culo M(nimo do Curso de Especialização para Enfermeiros do Trabalho - CEET, está em vigor desde 1978, sendo seu conteúdo estabelecido pela Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho - FUNDACENTRO. Desde essa época o currículo não foi alterado e se acumulam nos CEETs as insatisfações e preocupações quanto a real adequação da formação às necessidades da prática profissional e da assistência à saúde dos trabalhadores. Diante disso, decidiu-se desenvolver uma pesquisa com a finalidade de avaliar o currículo vigente e de propor alterações curriculares. Esta pesquisa foi realizada entre as categorias diretamente envolvidas no ensino e na assistência de enfermagem do trabalho, a saber: coordenadores, professores e alunos de tris CEETs do Brasil, e enfermeiros do trabalho do Estado de São Paulo no ano de 1984. Os objetivos desta pesquisa foram: - verificar o ajuizamento e sugestões das categorias supra referidas, sobre o CEET, tomando por base o Currículo Mínimo estabelecido pela FUNDACENTRO para esse Curso, avaliando-o nos aspectos relativos a: filosofia e objetivos, organização curricular, processo ensino-aprendizagem e organização administrativa; - elaborar uma proposta de reestruturação curricular para o CEET, com base na análise crítica dos dados coletados. A coleta de dados se desenvolveu por meio de questionários, onde os participantes expressaram o ajuizamento e sugestões de modificações do currículo em questão. A análise crítica desses dados foi fundamentada em experiências curriculares que estão sendo desenvolvidas em outros países, e na experiência pessoal da autora no desenvolvimento de currículos para diferentes níveis de ensino de enfermagem. Os resultados obtidos demonstraram que inexistem no currículo do CEET, a adoção explícita de uma linha filosófica norteadora, e a definição de objetivos para o Curso, sendo tais aspectos considerados necessários por todas as categorias pesquisadas. No que diz respeito a organizaçio curricular, ficou evidenciada a inadequaçio do elenco de disciplinas que compõem o currículo. A carga horária foi considerada insuficiente, e mal distribuída em termos teórico-práticos. O conteúdo curricular foi considerado repetitivo em algumas disciplinas e com falhas em outras; o estágio prático previsto, apresentou-se qualitativa e quantitativamente insuficiente. Foram propostas pelos participantes, diversas alterações nessa organizaçio curricular. Com relação ao processo ensino-aprendizagem, ficou demonstrado que: não existe qualquer definição do modo de condução desse processo nos cursos pesquisados: os métodos de ensino e avaliação adotados nem sempre facilitaram ou avaliaram totalmente a aprendizagem dos alunos; os enfermeiros de campo julgaram que os cursos frequentados supriram parcialmente as necessidades requeridas na prática profissional, sendo que muitos consideraram insuficiente o ensino prático que tiveram em seus cursos. Quanto à organização administrativa dos CEETs, sentiu-se necessidade de se estabelecer requisitos prévios para matrícula dos alunos; a maioria dos pesquisados aponta o profissional enfermeiro do trabalho como aquele que deve assumir a coordenação do CEET, devendo ele ter experiência na área de administração de ensino e prática de campo na área de enfermagem do trabalho. Frente a estes resultados, sentiu-se então necessidade de uma ampla e profunda reestruturação curricular, sendo elaborada uma nova proposta curricular para o CEET. Essa proposta foi sub-dividida em: marco conceitual, onde foram definidas as linhas norteadoras do currículo; marco metodológico, em que se assentaram as diretrizes condutoras do processo ensino-aprendizagem; marco estrutural, onde foram estabelecidas as áreas de ensino, bem como o elenco e o conteúdo das disciplinas e a distribuição horária teórico-prática. Antes da implantação desta proposta curricular, ela deverá ser validada pelas categorias diretamente envolvidas no ensino e na assistência de enfermagem do trabalho, e ao mesmo tempo, os professores e coordenadores dos CEETs deverão ter acesso a cursos específicos que os capacitem a conduzir o trabalho dentro da nova filosofia curricular.
Título em inglês
Specialization course for occupational health nursing: evaluation and proposal of curricular restructuring
Palavras-chave em inglês
Occupational Health Nursing
Specialization Course
Resumo em inglês
In 1978 a curriculum for the Specialization Course on Occupational Health for Nurses was established by FUNDACENTRO - Fundaço Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho and has not been changed since then. Throughout the years, it became clear that the present curriculum does not cover adequately all aspects of protection of worker's health and, therefore, it was thought advisable to carry out a research aimimg the evaluation of the present curriculuru and its eventual changes. To carry out such research, a questionnaire was answered by all categories of people directly involved with the ministration of such courses: coordinators, teachers and students of three Brazil ian CEET; besides, occupational health nurses of the state of São Paulo also answered a questionnaire. The main objectives of this studw were to verify how the present curriculum was judged by the people involved from the point of view of its: philosophy and objectives; curricular organization; teaching-learning process and administrative organization. The final objective was to propose a curricular restructuration of the courses based on the critical analysis of the points above outlined. Data collection was dane through the use of special questionnaires, different for each group of people, who expressed their opinion on the present curriculum and presented suggestions as to its modification. On the basis of similar courses existing in developed countries, and also on the basis of the author´s experience, an analysis was carried out and it was possible to demonstrated that presently inexists either a philosophic guideline or a definition of objectives, these two points being considerer as essential by all categories of people who participated of this study. Concerning the curricular organization, it became evident the inadequacy of the curricular contents of each discipline which composes the whole curriculum. The number of hours of teaching was considered as insufficient and not well distributed among theoretical and practical teaching. The curricular content was considered repetitive in some disciplines and insufficient in others. In the whole, it was considered that the curriculum is not adequate both in quantity and in quality and several changes were proposed. As to the teaching-learning process, it was evident that there is no definition regarding the way of conducting it. The adopted teaching techniques and methods of evaluation of the students' learning results, were not considered as satisfactory. The already practicing occupational health nurses informed that the courses attended have only partially supplied the needed knowledge needed for professional practice and many others considered as insufficient the practical learning they had in their courses. Concerning the administrative organization of the courses, it was considered as very important to establish previous requirements for the selection of students. The majority of the people consulted considered that the courses' coordinators must be occupational health nurses having a good experience in the field of teaching administration and also a very good practice in the occupational health nursing field. Due to these results, it was felt that there is an urgent need of a wide and deep curricular re-structuration and, a new curriculum for the courses is proposed. The proposed curriculum was sub-divided in conceptual framework, in which the curriculum guidelines were defined; methodological framework, in which were founded the directives te conduct the teaching-learning process; structural framework, where were established the areas of teaching, as well as the set and content of disciplines, and the theoretical-practical classes distribution. Before this curricular proposal is implemented, it shall be validated by the categories directly involved with occupational health nursing teaching and assistance, and, at the same time, the teachers and coordinators of the CEET's shall have access to specific courses with capacitale them to conduct the work within the new curricular philosophy.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-12-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.