• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.6.2016.tde-25072016-181335
Documento
Autor
Nome completo
Vitoria Kedy Cornetta
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1991
Orientador
Banca examinadora
Carvalho, Lourdes de Freitas
Farhat, Calil Kairalla
Favero, Manildo
Ibañez, Nelson
Tinoco, Aldo da Fonseca
Título em português
Comparação da força de trabalho em serviços de saúde
Palavras-chave em português
Recursos Humanos
Serviços de Saúde
Resumo em português
A autora estuda a comparação da força de trabalho em serviços de saúde, visando o grau de satisfação e insatisfação dos profissionais de saúde, em dois municípios semi -rurais, sendo um de médio porte e outro de pequeno porte, um localizado na Grande São Paulo e outro no Estado de São Paulo. participaram do estudo, integrantes de seis categorias funcionais: médicos, enfermeiras, assistentes sociais, auxiliares de enfermagem, atendentes e serventes, que realizam suas atividades nas Unidades Básicas de Saúde, nos respectivos municípios. No estudo foi desenvolvido um histórico das principais políticas de saúde e de recursos humanos, no período de 1960 a 1990, apresentando as principais características da época, sua evolução no Brasil e no Estado de São Paulo. A seguir foram descritos os perfis dos municípios estudados e suas principais características. Foi abordada a metodologia utilizada na pesquisa bem como a análise, discussão e resultados obtidos através dos dados coletados junto aos profissionais de saúde. Dos resultados do estudo, as informações fornecidas permitiram verificar que os profissionais pesquisados salientaram vários fatores que podem contribuir e podem influenciar diretamente na obtenção da satisfação e insatisfação no trabalho. Pela frequência com que se manifestaram, observa-se a ordem de importância dada a esses fatores, que podem direcionar a uma política de recursos humanos satisfatória para melhoria do desempenho humano e da eficácia organizacional.
Título em inglês
Comparing the health services task-force
Palavras-chave em inglês
Health Services
Human Resources
Resumo em inglês
A autora estuda a comparação da força de trabalho em serviços de saúde, visando o grau de satisfação e insatisfação dos profissionais de saúde, em dois municípios semi -rurais, sendo um de médio porte e outro de pequeno porte, um localizado na Grande São Paulo e outro no Estado de São Paulo. participaram do estudo, integrantes de seis categorias funcionais: médicos, enfermeiras, assistentes sociais, auxiliares de enfermagem, atendentes e serventes, que realizam suas atividades nas Unidades Básicas de Saúde, nos respectivos municípios. No estudo foi desenvolvido um histórico das principais políticas de saúde e de recursos humanos, no período de 1960 a 1990, apresentando as principais características da época, sua evolução no Brasil e no Estado de São Paulo. A seguir foram descritos os perfis dos municípios estudados e suas principais características. Foi abordada a metodologia utilizada na pesquisa bem como a análise, discussão e resultados obtidos através dos dados coletados junto aos profissionais de saúde. Dos resultados do estudo, as informações fornecidas permitiram verificar que os profissionais pesquisados salientaram vários fatores que podem contribuir e podem influenciar diretamente na obtenção da satisfação e insatisfação no trabalho. Pela frequência com que se manifestaram, observa-se a ordem de importância dada a esses fatores, que podem direcionar a uma política de recursos humanos satisfatória para melhoria do desempenho humano e da eficácia organizacional.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-07-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.