• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.6.2018.tde-04012018-144115
Documento
Autor
Nome completo
Daisy Leslie Steagall Gomes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1987
Orientador
Banca examinadora
Guimaraes, Cid (Presidente)
Angerami, Emilia Luigia Saporiti
Favero, Manildo
Nogueira, Maria Jacyra de Campos
Ruffino Netto, Antonio
Título em português
Identificação do enfermeiro na força de trabalho de enfermagem de saúde pública do Departamento Regional de Saúde de Ribeirão Preto
Palavras-chave em português
Enfermagem em Saúde Pública
Enfermeiro
Resumo em português
A identificação do enfermeiro na força de trabalho de Enfermagem de Saúde Pública, no Departamento Regional de Saúde 6 de Ribeirão Preto da Secretaria de Estado da Saúde, destacando e analisando alguns aspectos que o caracterizam, constituiu o objetivo geral deste trabalho. Util izou-se, como fonte primária e direta de coleta de dados um questionário, cujo conteúdo incluía: dados de identificação, nível de formação, progressão funcional, funções, expectativas futuras, quanto ao exercício profissional e filiação à órgãos de classe. A totalidade do grupo estudado (35) era do sexo feminino, predominado: o grupo etário de 20 a 30 anos (40,0 por cento ), as casadas (51,5 por cento ), e com tempo de serviço entre zero a 15 anos (77,2 por cento ). Com referência à sua interproporcionalidade com as demais categorias, as enfermeiras se dtstribuiam nas seguintes relações: 1 enfermeira/13,5 pessoal auxiliar e 1 enfermeira/8,1 médicos. Quanto à formação profissional, 68,5 por cento realizaram habilitação em Enfermagem de Saúde Pública e 8,6 por cento , Especialização em Saúde Pública. Não havia para as enfermeiras carreira nem quadro e seus vencimentos estavam entre 2 e 7 salários mínimos e apenas uma com 10. Todas (100 por cento ) rejeitaram o processo de avaliação de desempenho. A função administrativa é exercida por todas as enfermeiras com predomínio de freqüência entre as inspetoras e de CS, 68,5 por cento . A de assistência de enfermagem, teve sua maior freqüência (73,3 por cento ) entre as chefes e/ou com encarregatura. Há indícios de desvios de funções e o grupo identificou como fator preponderante que as impede de cumprí-las, a própria estrutura técnico-administrativa, que indicou como sendo a área mais carente de reformulação. As enfermeiras sentem-se preparadas paraa participarem dos programas de assistência primária e 84,3 por cento delas pretendem permanecer em exercício até a aposentadoria. Estavam associadas às entidades de classe nas seguintes freqüências: Associação Brasileira de Enfermagem 29,4 por cento , Associação Profissional dos Enfermeiros do Estado de São Paulo, 23,5 por cento e Conselho Regional de Enfermagem, 100,0 por cento .
Título em inglês
Identification of the nurse in the public health nursing workforce of the Regional Health Department of Ribeirão Preto
Palavras-chave em inglês
Nurse
Public Health Nursing
Resumo em inglês
The general purpose of this study was the identification of the nurse withim the work force of public health nursing in the regional Health Department of Ribeirão Preto of the State Health Secretariat. A questionaire, the options of which include: identification, level of training, progress in carreer, function, future professional expectations and membership of professional associations, was the chief data source. Of the group studied (35) were female of which 40 per cent were between 20 and 30 years old; 51.5 per cent were married and 77.2 per cent had been in service for zero up to fifteen years. Regarding the other categories, the distribution was as follows: 1 nurse per 13.5 assistants; 1 nurse per 8. I doctors. Concerning progessional training, 68.5 per cent were qualified In Public Health Nursing and 8.6 per cent specialized in public health. No carreer opportunities were available in the nursing profession and their salaries ranged from 2 to seven minimum salaries, only one receiving l0 All (100 per cent ) condemned the system of performance assessment. All nurses performed largely administrative services, the inspectors some 65 per cent of their time. Among nursin assistants this percentage rase to 73.3 per cent for those in charge. There was evidence of inapproprate task allocation, the chief factor being the technical/administrative infrastructure itself, this being the area most in need of reform. The nurses were prepared to participate in primary care programmes and 84.3 per cent intended to remain in service until retirement. They were members of various professional associations,the most frequent being: Brazilian Nursing Association (Associação Brasileira de Enfermagem) 29,4 per cent , Professional Nurses Association or the State of São Paulo (Associação Profissional de Enfermeiros do Estado de São Paulo) 23.5 per cent and Regional Nursin Council (Conselho Regional de Enfermagem) 100 per cent .
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-01-04
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.