• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.59.2015.tde-03092015-114609
Documento
Autor
Nome completo
Mariana Morales da Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2015
Orientador
Banca examinadora
Pacifico, Soraya Maria Romano (Presidente)
Baronas, Roberto Leiser
Sousa, Lucília Maria Abrahão e
Título em português
A constituição de leitores e autores pelas teias discursivas: os efeitos de diálogos com a literatura no Ensino Fundamental
Palavras-chave em português
Autoria
Discurso
Ensino Fundamental I
Interpretação
Literatura clássica
Resumo em português
Esta dissertação entrelaça sentidos sobre Educação, Literatura e Discurso, ao colocar a leitura e a escrita em foco. O trabalho questiona a ilusão de leitura única e padronizada imposta no espaço escolar, compreendido por atravessamentos ideológicos que edificam mecanismos de naturalização dos efeitos de sentidos para a posição sujeito-aluno. Nesse sentido, debate o papel da Escola em relação ao grau de letramento, à distribuição de sentidos, ao acesso à Literatura e à garantia do direito de o sujeito-aluno poder sustentar-se em outras posições discursivas, como a da função-leitor e a da função-autor, posições as quais ele é desautorizado e interditado de ocupar. Defendendo a ideia de possibilidade de leituras que façam circular sentidos plurais, esta pesquisa mobiliza, pela filiação à Análise do Discurso pecheuxtiana, os conceitos de interdiscurso, arquivo e memória discursiva para a construção do conceito de teias discursivas, um funcionamento de leitura na função-leitor, que se dá por diálogos, previstos ou não, com obras da literatura clássica universal. Defende-se que a possibilidade de instauração de movimentos interpretativos aos sujeitos-alunos pode afetar o movimento autoral em escritos escolares. Como os movimentos interpretativos não são permitidos na Escola, objetivou-se (re)construir um trabalho dialógico com os clássicos, visando a proporcionar aos sujeitos-alunos gestos de interpretação, a construção de um arquivo e a assunção da autoria. A pesquisa ocorreu em uma escola da rede estadual de ensino, do interior de São Paulo, com duas turmas de 3º ano do EF I. Pelas análises dos movimentos interpretativos e das produções textuais sobre o clássico Romeu e Julieta, compreendeu-se como os efeitos da fôrma-leitor podem exercer um retorno ao lugar sedimentado e que o movimento interpretativo pode ser, ao mesmo tempo, coletivo, historicizado e singular, sustentando a defesa de que, pela tessitura do movimento interpretativo pelo funcionamento de leitura nas teias discursivas, por meio da função-leitor, o sujeito pode encontrar-se com a possibilidade de ocupar as posições discursivas de sujeito-leitor e de sujeito-autor.
Título em inglês
The formation of readers and authors by the webs Discursive: the effects of dialogues with literature in elementary school.
Palavras-chave em inglês
Authorship
Classic Literature
Discourse
Elementary SchoolI
Interpretation
Resumo em inglês
This Masters thesis interweaves senses about Education, Literature and Discourse, by foucusing the reading and writing. The thesis questions the ilusion of an unique and standardized reading imposed at school, a place understood as a ideological crossings that build naturalization mechanisms of the effects of senses to the subject-student position. In this direction debates the role of the school in relation to the degree of literacy, distribution of senses, access to literature and the main role to guarantee the right of the students to sustain themseves in others discursive positions, as the reader-function and the author-function, positions which they are unauthorized and banned to occupy. Defending the idea that readings can circulate several senses, this thesis mobilizes, for membership in the Analysis of Discouse pecheuxtiana, the concepts of interdiscourse, file and discursive memory to build the concept of discursive webs, a reading movement in the reader-function by dialogues, standardized or not, with universal classical literature work. It defends that the possibility of establishment of interpretive movements in the subject-student can affect the authorship movement in school writings. As those movements are not allowed at school, it was porpused to (re) build a dialogic school work with the literature classics, in order to provide to the subject-students gestures of interpretation, the construction of a file and the assumption of authorship. The research took place in a public school, at the state of São Paulo, with two groups of 3rd year of Elementary School. Through the analysis of interpretive movements and textual productions about the classic Romeo and Juliet, it was understood how the effects of the shape-reader can stablesh a return to the place settled, and how the interpretive movement can be, at the same time, collective and particular, supporting the defense that the texturing of interpretive movement by reading waves in the discursive webs, the subject can meet the possibility of ocupy the discursive positions of the reader-subject the author-subject.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-10-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.