• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.59.2014.tde-05012015-164916
Documento
Autor
Nome completo
Victor Cavallari Souza
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2014
Orientador
Banca examinadora
Bueno, Jose Lino Oliveira (Presidente)
Bonifacio, Marco Antonio Di
Tourinho Filho, Hugo
Título em português
Relações entre estados de ânimo pré-competitivos e desempenho de atletas de alto rendimento em jogos de futsal
Palavras-chave em português
desempenho
estados de ânimo
futsal
psicologia do esporte
Resumo em português
Os aspectos técnicos, físicos e táticos os quais são vitais para o esporte de alto rendimento podem ser influenciados por fatores psicológicos presentes em todos os contextos do esporte. A situação pré-competitiva pode causar diferentes tipos de emoções vivenciadas pelos atletas, o que pode influenciar suas respostas comportamentais durante a competição. A associação entre estados de ânimo pré-competitivos positivos e negativos e o desempenho de atletas de futsal, entendido como as ações emitidas pelos jogadores, pode ampliar a discussão sobre a influência de fatores psicológicos e desempenho de atletas de alto rendimento e qualificar quais aspectos emocionais positivos ou negativos se relacionam com determinados comportamentos. O objetivo da pesquisa foi examinar os estados de ânimo pré-competitivos de atletas de futsal e correlaciona-los com o desempenho dos jogadores nos aspectos técnicos e táticos. Participaram da pesquisa 18 jogadores profissionais de alto rendimento de futsal do sexo masculino com idade média de 29 anos. Para medir os estados de ânimo foi utilizada a Lista de Estados de Ânimo Presentes de Engelmann que foi aplicada uma hora antes do início de cada jogo, em um total de cinco jogos. Para análise do desempenho foi utilizado um Scout com os principais fundamentos da modalidade que foi preenchido a partir das gravações de todos os jogos. Como medida de associação entre os dados da Lista de Estados de Ânimo Presentes e dos Scouts técnicos utilizados foi calculado o coeficiente de correlação de Pearson. Os resultados mostraram uma correlação positiva forte (r= 0,79) entre o goleiro estar cansado e sofrer um gol. Ao mesmo tempo, houve correlação negativa (r= -0,84) entre estar com vergonha e sair do gol para diminuir o ângulo de finalização do adversário e aumentar a probabilidade de executar uma defesa. As locuções de valor hedônico negativo do fator I como Sinto-me humilhado e Estou com medo tiveram uma correlação de sinal negativo para ações ofensivas como passe e chute, sendo r= -0.30 para ambos os resultados. Por outro lado, as locuções de valor hedônico positivo mostraram associações positivas com ações de ataque, como a locução Sinto uma necessidade (fator XI) associada com grande quantidade de tentativas de chute e drible nos jogos (r= 0.50; r= 0.35, respectivamente). Buscou-se identificar em cada associação encontrada, quais processos psicológicos poderiam estar envolvidos. Enquanto a capacidade técnica e definição tática de uma equipe são alguns dos diversos fatores podem influenciar as respostas psicológicas dos atletas, por outro lado, certas disposições emocionais estão associadas com uma frequência maior de ações durante uma competição. O nível do adversário e o momento do campeonato, por exemplo, podem estar associados com os estados de ânimo pré-competitivos que poderão influenciar na tomada de decisão, por exemplo, e, consequentemente, no desempenho dos atletas.
Título em inglês
Relations between pre-competitive moods states and performance in elite futsal
Palavras-chave em inglês
Futsal
Mood State
Performance
Pre-competitive situation
Resumo em inglês
Technical, physical and tactical aspects which are vital for high performance sport can be influenced by psychological factors present in all sports contexts. Pre-competitive situation causes different kinds of emotions. Athletes behavioral responses during competition can be influenced by emotions. The association between positive and negative mood states in a pre-competitive situation and athletic performance of futsal, can broaden the discussion on the influence of psychological factors and performance of elite. The aim was to examine the pre-competitive mood states of futsal athletes and correlates them with the performance of the players. Eighteen professional futsal players with an average age of 29 years volunteered for this study. Mood states measurements were assessed during six games using the Present Mood States List that was applied one hour before the start of each game. The performance of the players was obtained through the recordings of each game. A Scout was used to quantify the players action during the games. Pearson correlation coefficient between Present Mood States List and Scout was calculated. The results showed a strong positive correlation (r = 0.79) between the goalkeeper being tired and suffer one goal. The negative hedonic nominal compounds of the factor I, for example, "Im feel humiliated" and "I'm scared" had a negative correlation with offensive actions as "pass" and "kick" (r = -0.30 for both results). On the other hand, the positive nominal compounds were associated with attack actions, such as the nominal compound "I feel a need" (factor XI) associated with large amount of attempts to kick and dribble in games (r = 0:50; r = 0:35, respectively). Were identified and discussed which psychological processes could be involved in the associations found. While the technical ability and tactical definition of a team are some of the many factors that can influence psychological responses of athletes, on the other hand, certain emotional dispositions are associated with a higher frequency of athletes actions during a competition. The level of the opponent, for example, may be associated with the states of pre-competitive mood that may influence decision making and the performance of athletes.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Mestrado.pdf (1.18 Mbytes)
Data de Publicação
2015-02-12
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.