• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.58.2007.tde-13122007-103338
Documento
Autor
Nome completo
Cristiane Tomaz Rocha
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2007
Orientador
Banca examinadora
Rossi, Marcos Antonio (Presidente)
Cunha, Robson Frederico
Tanomaru Filho, Mario
Título em português
MEV - Biofilme apical em dentes decíduos de humanos, com e sem vitalidade pulpar
Palavras-chave em português
biofilme apical
dentes decíduos
infecção extra-radicular
lesão periapical
microrganismos
Resumo em português
O objetivo deste trabalho foi avaliar, por meio de microscopia eletrônica de varredura (MEV), a presença de microrganismos sob a forma de biofilme na região do ápice radicular de dentes decíduos de humanos, com diferentes graus de patologia pulpar e periapical. Dezoito dentes foram selecionados em três situações clínicas específicas: dentes decíduos portadores de vitalidade pulpar (Grupo I), portadores de necrose pulpar sem lesão periapical visível radiograficamente (Grupo II) e portadores de necrose pulpar e nítida lesão periapical visível radiograficamente (Grupo III). Após exodontia, os dentes foram lavados com solução salina e imersos em solução de tripsina a 0,03 g/mL por 20 minutos. A seguir, foram lavados com solução tampão de cacodilato de sódio a 0,1M e armazenados em solução de Karnowsky modificada. Após cinco dias, os dentes foram seccionados e desidratados em soluções crescentes de etanol e submetidos à secagem no ponto crítico, fixados em "stubs" e metalizados para análise em MEV. Nos dentes do Grupo I e II, a superfície radicular estava recoberta por fibras colágenas, sem a presença de bactérias, em 100% das amostras. Nos dentes portadores de necrose pulpar e nítida lesão periapical visível radiograficamente (Grupo III), o ápice radicular apresentava ausência de fibras e presença de áreas de reabsorção com microrganismos em seu interior, representados predominantemente por cocos e bacilos, porém filamentosos e espiroquetas também foram observados, em 100% dos casos. Assim, observou-se que houve a presença de microrganismos sob a forma de biofime apical na região do ápice radicular apenas nos dentes decíduos portadores de necrose pulpar e nítida lesão periapical visível radiograficamente.
Título em inglês
Scanning electron microscopic study of apical biofilm in vital and nonvital human primary teeth
Palavras-chave em inglês
apical biofilm
apical periodontitis
extraradicular infection
microorganisms
primary teeth
Resumo em inglês
The purpose of this study was to evaluate, by scanning electron microscopy (SEM), the presence of microorganisms organized as biofilms in the apical root third of vital and nonvital human primary teeth. Eighteen teeth were selected in three clinical situations: Group I - pulp vitality, Group II - pulp necrosis without periapical lesion and Group III - pulp necrosis with well defined radiographically visible periapical lesion. After extraction, the teeth were washed with saline and immersed in 0.03 g/mL trypsin solution during 20 minutes. Next, the teeth were washed in 0,1M sodium cacodilate buffer and stored in receptacles containing modified Karnovsky solution. After 5 days, the teeth were sectioned, dehydrated in an ethanol series, critical-point dried with CO2, sputter-coated with gold and examined by SEM. The results showed that in the teeth of Groups I and II, the root surface was covered by collagen fibers, without the presence of bacteria in all specimens (100%). In the teeth with pulp necrosis with well defined radiographically visible periapical lesion (Group III), the root apex showed no collagen fibers and presence of resorption areas containing microorganisms (cocci, bacilli, filaments and spirochetes) in all cases (100%). The presence of microorganisms organized as biofilms was detected only in the primary teeth with pulp necrosis and radiographically visible periapical lesion.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
me_CrisTomaz.pdf (11.76 Mbytes)
Data de Publicação
2008-01-07
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.