• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.58.2018.tde-23092016-151750
Documento
Autor
Nome completo
Carla de Oliveira Pires da Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2016
Orientador
Banca examinadora
Taba Junior, Mario (Presidente)
Caminaga, Raquel Mantuaneli Scarel
Leão, Moira Pedroso
Oliveira, Paulo Tambasco de
Título em português
Avaliação da viabilidade tecidual de ligamento periodontal recém-extraído sob efeito de proteínas da matriz do esmalte  e seu potencial angiogênico
Palavras-chave em português
Expressão genética; Ligamento periodontal; Regeneração; Terapia tecidual
Resumo em português
A periodontite é uma doença inflamatória crônica, multifatorial, altamente prevalente na população que compromete os tecidos de suporte dos dentes gerando sequelas de difícil resolução, mesmo com as mais modernas técnicas regenerativas. A terapia tecidual parece ser uma alternativa promissora e as células indiferenciadas do ligamento periodontal (PDL) tem demonstrado grande potencial terapêutico. No entanto, o PDL necessita de estímulos adequados de biomodificadores para que a diferenciação ocorra de forma coordenada. As proteínas da matriz do esmalte (EMD) é um tipo de biomodificador que promove formação de novo cemento. Apesar de ser utilizada clinicamente, a sua associação com células frescas do PDL ainda não foi explorada. Este é um estudo da expressão gênica e proteica do PDL com finalidade de reaproveitamento do tecido recém-extraído, estimulado por EMD, tendo em vista a regeneração periodontal. Os resultados da expressão gênica apresentam VEGF (p=0.5194) com diferença entre medianas de -0.201 e FGF-2 (p = 0,0059) com diferença entre medianas de -0.4167. No estudo de citocinas, VEGF-A (p<0,0001) com diferença entre medianas de 60,93, enquanto VEGF-D (p=0.0049) com entre medianas de 2,45. Através dos resultados da expressão gênica baseada em FGF-2 e proteica baseada em VEGF-A, foi possível observar que as EMD modularam a resposta tecidual ex-vivo no período de 10 minutos tendo em vista o padrão angiogênico. Essa combinação poderá servir como uma proposta terapêutica, visando a aplicação clínica futura de tecidos comumente descartados após exodontia, como o PDL.
Título em inglês
Evaluation of the tissue viability of fresh periodontal ligament under the influence of enamel matrix proteins and their angiogenic potential
Palavras-chave em inglês
Gene expression; Periodontal ligament; Regeneration; Tissue therapy
Resumo em inglês
Periodontitis is a chronic inflammatory disease, multifactorial and highly prevalent in the world population that affects the teeth of the supporting tissues, generating sequels difficult to solve even with the most modern regenerative techniques. Tissue therapy appears to be a promising alternative and undifferentiated cells of the periodontal ligament (PDL) have shown great therapeutic potential. However, the PDL needs to appropriate stimuli biomodificatores that differentiation occurs in a coordinated fashion. The enamel matrix proteins (EMP) are a type of biomodificator that promotes new cementum formation. Despite being used clinically, its association with PDL fresh cells has not yet been explored. This is a study of gene and protein expression of PDL with reuse purpose of the newly extracted tissue stimulated by EMD, with a view to periodontal regeneration. The results show VEGF gene expression (p = 0.5194) difference in median -001 and FGF-2 (p = 0.0059) difference in medians of -0.4167. In the study of cytokines, VEGF-A (p <0.0001) with the difference between medians of 60.93, whereas VEGF-D (p = 0.0049) with from 2.45 medians. Through the results of the FGF-2-based gene expression and protein-based VEGF-A, it was observed that the EMD modulated the tissue response ex vivo in the 10-minute period considertingthe standard angiogenic. This combination may serve as a therapeutic approach aimed at future clinical application of tissues commonly discarded after extraction, such as the PDL.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-09-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.