• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.58.2018.tde-17052018-165020
Documento
Autor
Nome completo
Carolina de Moraes Rego Mandetta
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2017
Orientador
Banca examinadora
Novaes Junior, Arthur Belem (Presidente)
Magini, Ricardo de Souza
Sousa, Gerdal Roberto de
Souza, Sergio Luis Scombatti de
Título em português
Efeito da terapia fotodinâmica antimicrobiana na descontaminação de alvéolos infectados previamente a instalação de implantes imediatos e na cicatrização de alvéolos pós-extração com ou sem material de enxerto. Estudo histomorfométrico e microtomográfico em cães
Palavras-chave em português
Alvéolo pós-extração
Enxerto xenógeno
Implante imediato
Remodelação óssea alveolar
Terapia fotodinâmica antimicrobiana
Resumo em português
A reabsorção óssea alveolar associada as perdas dentais constitui uma condição inerente ao processo de cicatrização fisiológico natural. Técnicas como a instalação de implantes imediatos e técnicas de preservação alveolar têm sido sugeridas com o objetivo de limitar as alterações adversas sofridas pelo processo alveolar. Contudo, frequentemente as perdas dentárias estão associadas a infecções crônicas que tradicionalmente contraindicariam os procedimentos de enxerto ou implantes imediatos, a menos que meticulosos debridamento e irrigação alveolar associados a adequado protocolo antibiótico pré e pós-operatório sejam empregados. Alternativas precisam ser testadas para a substituição do uso indiscriminado de antibioticoterapia sistêmica. O objetivo do presente estudo foi avaliar o efeito da TFDa na descontaminação de alvéolos infectados previamente a instalação de implantes imediatos e na cicatrização de alvéolos pós-extração associados ou não ao uso de enxertos xenógeno através de análises microtomográficas e histomorfométricas. Para tanto, foram selecionados 8 cães, os quais foram submetidos a uma fase de indução de doença periodontal por ligadura, seguida por um período de estabelecimento da doença. Após a exodontia dos prémolares bilaterais, aleatoriamente os alvéolos de um lado da mandíbula foram descontaminados por debridamento mecânico associado a irrigação com solução salina (grupo controle) e do outro lado por debridamento mecânico e irrigação com solução salina associados a terapia fotodinâmica antimicrobiana (grupo teste), e subsequentemente submetidos a instalação de implantes imediatos, dando origem aos grupos GT-I (Grupo Teste - Implante) e GC-I (Grupo Controle - Implante). Os demais alvéolos, foram utilizados para o estudo da dinâmica de cicatrização alveolar. Os sítios foram aleatoriamente alocados em: GT-C (Grupo teste - Coágulo), GT-BO (Grupo Teste - Bio-Oss®), GT-BOC (Grupo Teste - Bio-Oss® Collagen), GC-C (Grupo Controle - Coágulo), GC-BO (Grupo Controle - Bio-Oss®) e GC-BOC (Grupo Controle - Bio-Oss® Collagen). Após 12 semanas, os cães foram sacrificados e as amostras processadas para as análises de microtomografia computadorizada, histologia e histomorfometria. Na avaliação da cicatrização dos alvéolos pós-extração, embora os alvéolos descontaminados com TFDa (GT-C, GT-BO, GT-BOC) tenham apresentado melhores resultados numéricos, em relação a altura da crista óssea vestibular (ACOV) e a dimensão buco-lingual (DBL), não foram evidenciadas diferenças relevantes na análise histomorfométrica. Apenas a ACOV, mensurada na avaliação microtomográfica bidimensional, demonstrou-se significativamente inferior nos alvéolos do grupo teste que não receberam material de enxerto (GT-C) quando comparados aos respectivos alvéolos do grupo controle (GC-C). Na avaliação dos implantes imediatos, a análise histomorfométrica dos parâmetros: reabsorção da crista óssea vestibular (RCOV) e contato osso implante (BIC) demonstrou resultados significantemente superiores no GT-I em relação ao GC-I, e do parâmetro densidade óssea (DO) demonstrou apenas resultado numericamente superior no GT-I em relação ao GC-I. Todas as análises microtomográficas bidimensionais (RCOV) e tridimensionais (volume ósseo BV, porcentagem óssea BV/TV, densidade de superfície óssea BS/TV, espessura trabecular Tb.TH, número de trabéculas Tb.N e separação trabecular Tb.SP) demonstraram resultados significantemente melhores nos implantes do grupo teste (GT-I) em relação aos implantes do grupo controle (GC-I). A TFDa demonstrou potencial como agente de descontaminação de alvéolos pósextração periodontalmente infectados, previamente a instalação de implantes imediatos e na cicatrização de alvéolos pós-extração associados ou não a materiais de enxerto xenógenos, sem o uso de antibioticoterapia sistêmica associada.
Título em inglês
The effect of aPDT on the decontamination of infected alveoli prior to immediate implantation and on post extraction socket healing with or without xenogeneic graft. A histomorphometric and microcomputed tomographic study in dogs
Palavras-chave em inglês
Alveolar bone remodeling
Antimicrobial photodynamic therapy
Extraction socket
Immediate implant
Xenograft
Resumo em inglês
Alveolar bone resorption following tooth loss is an inherent condition of the natural healing process. Therefore, several techniques, such as immediate implants placement and post extraction socket preservation, have been suggested in order to limit the adverse changes suffered by the alveolar process. However, extraction sockets commonly results from the removal of teeth affected by chronic infection, which conventionally contraindicates immediate bone graft and implant placement unless meticulous wound debridement and alveolar irrigation associated to a suitable pre- and post-operatory antibiotic protocol are employed. Alternatives ought to be tested in order to substitute the indiscriminate use of systemic antibiotic therapy. The aim of the present study was to evaluate the effect of the antimicrobial photodynamic therapy (aPDT) in the decontamination of infected post extraction sockets, previously to immediate implant placement and in the healing of post extraction sockets associated or not to xenografts. In the first phase, periodontitis was induced with ligatures in the mandibular premolars of eight beagle dogs. After 2 months, in the second phase of the study the dogs had their mandibular bicuspids bilaterally extracted, and randomly one hemi-mandible was decontaminated by mechanic debridement associated to saline solution irrigation (Control Group - CG), and the other hemi-mandible was decontaminated with mechanic debridement and saline solution irrigation associated to antimicrobial photodynamic therapy (Test Group - TG). Thereafter, 3 immediate implants in each side of the mandible were placed and the following groups were devised: TG-I (Test Group - Implant) and CG-I (Control Group - Implant). The remaining sockets were used for the study of the healing dynamic. The sockets were randomly assigned to the following groups: Test Group - Blood clot (TG-BC), Test Group Bio- Oss® (TG-BO), TG - BOC (Test Group Bio-Oss® Collagen), Control Group - Blood Clot (CG-BC), Control Group - Bio-Oss® (CG-BO) and Control Group - Bio-Oss® Collagen (CG-BOC). After 12 weeks, the dogs were sacrificed and the specimens were processed for microtomographic, histological and histomorphometric analysis. When the post extraction healing process was evaluated, the aPDT decontaminated sockets (TG-BC, TG-BO and TG-BOC) presented better numerical results in comparison to both buccal bone crest height (BCL) and in the bucco-lingual dimension (BLD). However, there were no statistically differences among the groups for these parameters in the histomorphometric analysis. Only the BCL measured in the two-dimensional microtomographic analysis showed statistic better results in the TG-BC when compared to the CG-BC. In the evaluation of the immediate implant placement the histomorphometric analysis presented statistically better results for the TG-I in the bone-implant contact (BIC), as well as in the vertical buccal bone loss (VBBL). The bone density (BD) was numerically better in the TG-I than in the CG-I. Both two-dimensional (VBBL) and three-dimensional (bone volume BV, percentage of the total bone volume - BV/TV, bone surface density - BS/TV, trabecular thickness Tb.Th, trabecular separation Tb.Sp and trabecular number TB.N) microtomographic analysis showed statistically better results in the TG-I. The aPDT showed potential in the decontamination of infected post extraction sockets previously to immediate implant placement and in the healing of post extraction sockets associated or not to xenogeneic grafts, without the use of systemic antibiotics.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-09-12
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.