• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.58.2018.tde-08082016-143459
Documento
Autor
Nome completo
Gustavo Henrique Apolinário Vieira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2016
Orientador
Banca examinadora
Taba Junior, Mario (Presidente)
Cirelli, Joni Augusto
Messora, Michel Reis
Rego, Delane Maria
Título em português
Dinâmica da resposta do hospedeiro na periodontite induzida por ligadura
Palavras-chave em português
Genes
Periodontite
Resposta inflamatória
Resumo em português
A periodontite é uma doença multifatorial, iniciada pela presença de biofilme bacteriano que interage com os mecanismos de defesa do hospedeiro e ocasiona resposta inflamatória quantificável exibindo destruição tecidual. As evidências indicam que a doença periodontal tem estados dinâmicos de exacerbação e remissão. Assim, o objetivo deste estudo foi avaliar a dinâmica da resposta inflamatória ao longo de 45 dias, desde a indução da perda óssea experimental até a crônificação do processo, em modelo de doença periodontal induzido por ligadura. Cinquenta ratos receberam ligadura no 1º molar inferior e foram sacrificados nos seguintes tempos: 1, 3, 5, 7, 10, 15, 20, 30 e 45 dias. Após obtenção das amostras da mandíbula, as peças e as biópsias de gengiva foram processadas para obteção das medidas histomorfométricas e análises microtomográficas e de expressão gênica. Os resultados confirmaram perda óssea progressiva e infiltrado inflamátorio até o tempo de 20 dias (p<0.05). Após 21 dias, observou-se a estabilização da perda óssea. Nos períodos inicias, observou-se predominante expressão de genes pró-inflamatórios, relacionados com a destruição tecidual como: CCL2, CCL3, CCL4, IL1B, IL6, MMP-8, MMP-9 e, nos momentos tardios, uma maior expressão de genes anti-inflamatórios como IL4 e IL10. Através da análise de regressão linear observou-se que a MMP-8 está correlacionada com a expressão de IL1β, TNFa, IL17, MCP1, MIP1a e MIP1b. A MIP1a está correlacionada com MMP2 e RANKL está correlacionada com IL1β, IL17, IL-6, e MIP1b MIP1a. Correlações que mostram uma maior associação a perda óssea nos períodos ativos da doença induzida. Assim, conclui-se que a periodontite experimental, por um período de até 45 dias, passa pelas fazes de exacerbação e remissão. Esse processo dinâmico pode ser monitorado por marcadores moleculares e morfométricos e contribuir para o melhor entendimento da patogênese da doença, contribuindo para a determinação do melhor momento para se avaliar cada biomarcador ou processo biológico.
Título em inglês
Dynamic of host response in periodontal disease induced by ligature
Palavras-chave em inglês
Genes
Inflamatory response
Periodontitis
Resumo em inglês
Periodontitis is a multifactorial disease initiated by the presence of bacterial biofilms hat interacts with the defense mechanisms of the host and causes intense inflammatory response and tissue destruction. Evidence suggests that periodontal disease has dynamic states of exacerbation and remission. Fifty rats received ligation in 1 molar and were sacrificed at the following times: 1, 3, 5, 7, 10, 15, 20, 30 and 45 days, 6 rats per time evaluation. After obtaining the jaw samples, parts and biopsies gum form processed for histomorphometric measures analysis with microtomography and gene expression. Histological results showed microtromograficos and progressive bone loss and inflammation to the influx time of 20 days (p <0.05). After this time it was observed stabilization of bone loss. In the initial periods observed expression of pro-inflammatory genes associated with tissue destruction as CCL2, CCL3, CCL4, IL1B, IL6, MMP8, MMP9 and late times greater expression of anti-inflammatory genes such as IL4 and IL10. Linear regression analysis was used to investigate the possible correlation between levels of MMP expression, FOXP3 and RANKL. MMP8 is correlated with IL1β, TNFa, IL17, MCP1, MIP1a and MIP1b. MIP1a is also correlated with MMP2. RANKL is correlated with IL1β, IL17, IL-6, and MIP1b MIP1a. Correlations that show a greater association with bone loss in active periods of induced disease. Experimental periodontitis, in a period of 45 days, passes through periods of exacerbation and remission. This dynamic process can be monitored by molecular and morphometric markers and contribute to a better understanding of the pathogenesis of the disease, helping to etermine the best time to evaluate each biomarker, or biological process.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-09-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.